Seduc esclarece critérios para uso dos tablets em escolas municipais

Otablets início da capacitação dos professores para uso dos tablets nas escolas municipais repercutiu, nesta terça-feira, 4, nas emissoras de rádio de Campina Grande, com a participação da secretária de Educação do município, Iolanda Barbosa. A professora Iolanda esclareceu os critérios adotados pela Prefeitura de Campina Grande para distribuir os equipamentos, que serão usados como ferramenta pedagógica em sala de aula.

A entrega dos tablets esteve em pauta nas entrevistas concedidas pela secretária à Panorâmica FM, Cariri AM e Caturité AM. Os tablets serão adotados em 50 escolas da Rede Municipal de Campina Grande. Na última segunda-feira, 03 de agosto, o prefeito Romero Rodrigues entregou os equipamentos para 232 docentes, dando início ao Programa de Formação de Professores para o uso de tablets nas escolas.

“Os tablets são para os estudantes, mas os professores também recebem para que possam ter acesso aos conteúdos e orientar os alunos para o melhor uso dessa ferramenta em sala de aula. Não é um tablet convencional, mas sim totalmente vinculado aos conteúdos pedagógicos. Só é possível usar o tablet com o uso de uma senha que será exclusiva para cada professor e cada aluno”, explicou Iolanda Barbosa.

Todas as turmas do Ensino Fundamental II (turmas do 6º ao 9º ano) da Rede Municipal, serão beneficiadas com os tablets, atendendo 28 escolas nesse segmento. Também serão atendidas turmas do 5º ano em 22 escolas com menores notas no Índice de Desempenho da Educação Básica (IDEB).

“Foram contemplados também professores e alunos de 22 escolas que precisavam de uma atenção especial e entendemos que o tablet, com conteúdos específicos para o ensino fundamental, vai contribuir com a melhoria dos índices de aprendizagem. Áreas carentes da cidade, que enfrentam dificuldades, estão sendo beneficiadas”, disse Iolanda.

A secretária destacou ainda que a aquisição de 7.904 tablets só foi possível graças a uma ação direta do prefeito Romero Rodrigues. “É um compromisso do prefeito, trazer para a Rede Municipal um tipo de equipamento que está presente na educação. É uma preocupação de Romero desde quando exercia o cargo de deputado federal. Foi um projeto proposto por ele e que foi acatado pelo Ministério da Educação”, afirmou.

OUTRAS AÇÕES – Durante as entrevistas nas emissoras de rádio, a Secretária Iolanda Barbosa destacou outras ações da gestão municipal na educação, a exemplo do 14º salário para profissionais das escolas com maiores notas no IDEB, a garantia das progressões de níveis para os docentes da Rede Municipal, reformas de escolas e construção de novas creches, além da recente contratação de 120 professores concursados.

Otablets início da capacitação dos professores para uso dos tablets nas escolas municipais repercutiu, nesta terça-feira, 4, nas emissoras de rádio de Campina Grande, com a participação da secretária de Educação do município, Iolanda Barbosa. A professora Iolanda esclareceu os critérios adotados pela Prefeitura de Campina Grande para distribuir os equipamentos, que serão usados como ferramenta pedagógica em sala de aula.

A entrega dos tablets esteve em pauta nas entrevistas concedidas pela secretária à Panorâmica FM, Cariri AM e Caturité AM. Os tablets serão adotados em 50 escolas da Rede Municipal de Campina Grande. Na última segunda-feira, 03 de agosto, o prefeito Romero Rodrigues entregou os equipamentos para 232 docentes, dando início ao Programa de Formação de Professores para o uso de tablets nas escolas.

“Os tablets são para os estudantes, mas os professores também recebem para que possam ter acesso aos conteúdos e orientar os alunos para o melhor uso dessa ferramenta em sala de aula. Não é um tablet convencional, mas sim totalmente vinculado aos conteúdos pedagógicos. Só é possível usar o tablet com o uso de uma senha que será exclusiva para cada professor e cada aluno”, explicou Iolanda Barbosa.

Todas as turmas do Ensino Fundamental II (turmas do 6º ao 9º ano) da Rede Municipal, serão beneficiadas com os tablets, atendendo 28 escolas nesse segmento. Também serão atendidas turmas do 5º ano em 22 escolas com menores notas no Índice de Desempenho da Educação Básica (IDEB).

“Foram contemplados também professores e alunos de 22 escolas que precisavam de uma atenção especial e entendemos que o tablet, com conteúdos específicos para o ensino fundamental, vai contribuir com a melhoria dos índices de aprendizagem. Áreas carentes da cidade, que enfrentam dificuldades, estão sendo beneficiadas”, disse Iolanda.

A secretária destacou ainda que a aquisição de 7.904 tablets só foi possível graças a uma ação direta do prefeito Romero Rodrigues. “É um compromisso do prefeito, trazer para a Rede Municipal um tipo de equipamento que está presente na educação. É uma preocupação de Romero desde quando exercia o cargo de deputado federal. Foi um projeto proposto por ele e que foi acatado pelo Ministério da Educação”, afirmou.

OUTRAS AÇÕES – Durante as entrevistas nas emissoras de rádio, a Secretária Iolanda Barbosa destacou outras ações da gestão municipal na educação, a exemplo do 14º salário para profissionais das escolas com maiores notas no IDEB, a garantia das progressões de níveis para os docentes da Rede Municipal, reformas de escolas e construção de novas creches, além da recente contratação de 120 professores concursados.