Curta “Todas as coisas que eu não te disse” será exibido no Paulo Pontes

coisas“Todas as coisas que eu não te disse”, um filme de ficção realizado em 2014 por alunos do curso de Produção Audiovisual, ministrado por André da Costa Pinto, no Centro Cultural Lourdes Ramalho tem estreia marcada para este dia 28, na Sala Paulo Pontes, no Teatro Municipal Severino Cabral, às 19h30, com entrada gratuita.
A direção é de Caroline Taveira e o filme trata de Luiza, uma jovem que tenta superar a perda de alguém. Em meio à ocupação de um trabalho em um supermercado e passeios a uma praça ela decide sair à noite. Em um bar, conhece Antônia e vê nela a oportunidade de superar à falta que sente de alguém.
Uma história interessante que pode gerar discussões entre os presentes após a exibição.
Conferência Municipal de Juventude acontece nesta sexta e sábado em Campina Grande-PB
Acontece nesta sexta-feira, 28, e sábado, 29, a 3ª Conferência Municipal de Juventude, no Centro Cultural Lourdes Ramalho, anexo ao Parque do Povo, que tem como objetivo principal a discussão e elaborações de propostas para o Plano Municipal de Juventude que norteará a formulação das políticas púbicas para as juventudes de Campina Grande.
A programação da sexta-feira, dia 28, começa a partir das 18h, com a solenidade de abertura e posse dos conselheiros e conselheiras de juventude. A cerimônia irá contar com a presença de autoridades como o Prefeito Romero Rodrigues (PSDB-PB), o Coordenador de Juventude da Prefeitura Municipal Tuta Cabral, a Secretária Executiva de Juventude do Estado Priscila Gomes e a Conselheira do Conselho Nacional de Juventude Priscila Estevão. Após esse momento haverá a palestra de abertura sobre o “Panorama da Juventude em Campina Grande” proferida pela Secretária Municipal de Educação Iolanda Barbosa. Em seguida haverá uma apresentação cultural.
No dia 29, sábado, a programação terá início às 8h com o credenciamento dos/as participantes. Durante o período da manhã e tarde serão trabalhados os eixos temáticos da Conferência, onde haverá a oportunidade de avaliar as políticas públicas voltadas para as juventudes no âmbito municipal e sua interação com as políticas estaduais e nacionais. Também será a oportunidade para discutir e propor novas políticas, a fim de que as juventudes sejam atendidas em suas necessidades e demandas específicas, atentando-se para a sua proteção integral como preconiza o Estatuto da Juventude (Lei nº 12.852 de 5 de agosto de 2013).
A Conferência é uma realização da Prefeitura Municipal de Campina Grande (Secretaria Municipal de Esporte, Juventude e Lazer e Secretaria Municipal de Educação), Conselho Municipal de Juventude. O evento conta com o apoio de organizações de juventude e de assessoria a grupos de jovens, a exemplo do Centro de Ação Cultural – CENTRAC e ainda do Grupo de Percussão MaracaGrande.
Mais informações: cmjuventude.cg@gmail.com, facebook.com/cmjcg ou (83) 9-8894-1343 e 9-8837-4838.

PROGRAMAÇÃO:
Dia 28/08
Abertura da III Conferência Municipal de Políticas Públicas de Juventude de Campina Grande
19hs – Posse do Conselho Municipal de Juventude.
19h30 – Palestra de abertura: “Panorama da Juventude de Campina Grande”, com Iolanda Barbosa, Secretária Municipal de Educação
20h00 – Debate
20h30 – Atividade cultural

Dia 29/08
08h às 10hs: Credenciamento
09h às 12hs: Trabalhos nos eixos temáticos
12hs às 13hs: Almoço
13hs às 16hs: Trabalhos nos eixos temáticos
16hs às 17hs: Atividade cultural
17hs às 19hs: Plenária final e eleição de delegados para a etapa estadual da conferência.

Saiba o que cada eixo temático discute e escolha em qual participar:
Eixo 1: Participação: Discutir e propor estratégias para qualificar e intensificar a participação d@s jovens na política, através de fóruns, redes, instituições, serviços, campanhas e identificar outras estratégias e formas de participação, propondo alternativas para que essas diferentes maneiras de participar e influenciar o poder público local nas decisões referentes às políticas de/para a juventude da cidade.

Facilitadora: Ana Patrícia Sampaio de Almeida (Centro de Ação Cultural – CENTRAC)
Eixo 2: Meio ambiente, território e mobilidade: Discutir a produção e consumo e seus impactos para o meio ambiente, além de estratégias de sustentabilidade. Diversos temas são contemplados, como: direito ao território, mobilidade humana e urbana, processos de urbanização, transporte público, juventudes da cidade e do campo, juventudes quilombolas e indígenas.

Facilitadora: Maria Luiza (Núcleo de Estudos, Pesquisas e Projetos de Reforma Agrária – NERA)
Eixo 3: Cultura e Direito à Comunicação: Discutir o acesso a entretenimento e cultura, as políticas públicas municipais de cultura e alternativas para fomentar a produção cultural da população juvenil da cidade, o acesso à Internet, educação para a leitura crítica da mídia, produção de conteúdo para/por jovens, democratização da comunicação e desburocratização dos processos de concessão de rádios comunitárias.
Facilitadores: Hipólito Lucena (Assessor de Comunicação da UEPB) e Maíra Nunes (Professora de Comunicação Social-UFCG)
Eixo 4: Diversidade e Igualdade: Discutir o fortalecimento das políticas que promovam a igualdade entre homens e mulheres, o combate à homofobia, a luta contra o racismo e respeito à diversidade sexual. Valorização da cultura dos povos tradicionais e suas heranças afro e indígenas para a formação cultural brasileira. Respeito aos territórios dos povos indígenas e quilombolas.

Facilitadora: Thuanne Haylla (UEPB)
Eixo 5: Saúde, Esporte e Lazer: Discutir a promoção, prevenção e restabelecimento da saúde do jovem, compreendendo a saúde na sua integralidade. Tratamento de doenças sexualmente transmissíveis e redução de danos. Quanto ao esporte e ao lazer, discutir o acesso aos espaços públicos para a prática de esportes, ampliação e qualificação dos programas de incentivo às diversas formas de praticar esporte como recreação e lazer.
Facilitador: Carlinhos Marinho (Pastoral da Juventude do Meio Popular – PJMP)
Eixo 6: Segurança pública e acesso à justiça: Discutir questões como índice de violência praticada ou sofrida por jovens do município, formas de abordagem da polícia e prática de violência institucional. Índices de homicídio da juventude negra no município e aperfeiçoamento das políticas em torno desse fenômeno, bem como questões referentes à criminalização da juventude.

Facilitadores: Ariosvalber Oliveira (UFCG) e Olímpio Rocha (OAB)
Eixo 7: Educação e Trabalho: Refletir sobre as políticas de educação no município avaliando o impacto, a qualidade e a efetividade das ações. Discute acesso à educação básica, formação técnica para o mercado de trabalho, oferta e qualidade dos espaços de formação e qualificação profissional em nível técnico, inserção do jovem no mercado de trabalho, redução do índice de desemprego entre jovens, acesso aos direitos trabalhistas, segurança no trabalho.
Facilitador: Maxsuel Alves (Historiador da Educação – UFCG/AJURCC)

coisas“Todas as coisas que eu não te disse”, um filme de ficção realizado em 2014 por alunos do curso de Produção Audiovisual, ministrado por André da Costa Pinto, no Centro Cultural Lourdes Ramalho tem estreia marcada para este dia 28, na Sala Paulo Pontes, no Teatro Municipal Severino Cabral, às 19h30, com entrada gratuita.
A direção é de Caroline Taveira e o filme trata de Luiza, uma jovem que tenta superar a perda de alguém. Em meio à ocupação de um trabalho em um supermercado e passeios a uma praça ela decide sair à noite. Em um bar, conhece Antônia e vê nela a oportunidade de superar à falta que sente de alguém.
Uma história interessante que pode gerar discussões entre os presentes após a exibição.
Conferência Municipal de Juventude acontece nesta sexta e sábado em Campina Grande-PB
Acontece nesta sexta-feira, 28, e sábado, 29, a 3ª Conferência Municipal de Juventude, no Centro Cultural Lourdes Ramalho, anexo ao Parque do Povo, que tem como objetivo principal a discussão e elaborações de propostas para o Plano Municipal de Juventude que norteará a formulação das políticas púbicas para as juventudes de Campina Grande.
A programação da sexta-feira, dia 28, começa a partir das 18h, com a solenidade de abertura e posse dos conselheiros e conselheiras de juventude. A cerimônia irá contar com a presença de autoridades como o Prefeito Romero Rodrigues (PSDB-PB), o Coordenador de Juventude da Prefeitura Municipal Tuta Cabral, a Secretária Executiva de Juventude do Estado Priscila Gomes e a Conselheira do Conselho Nacional de Juventude Priscila Estevão. Após esse momento haverá a palestra de abertura sobre o “Panorama da Juventude em Campina Grande” proferida pela Secretária Municipal de Educação Iolanda Barbosa. Em seguida haverá uma apresentação cultural.
No dia 29, sábado, a programação terá início às 8h com o credenciamento dos/as participantes. Durante o período da manhã e tarde serão trabalhados os eixos temáticos da Conferência, onde haverá a oportunidade de avaliar as políticas públicas voltadas para as juventudes no âmbito municipal e sua interação com as políticas estaduais e nacionais. Também será a oportunidade para discutir e propor novas políticas, a fim de que as juventudes sejam atendidas em suas necessidades e demandas específicas, atentando-se para a sua proteção integral como preconiza o Estatuto da Juventude (Lei nº 12.852 de 5 de agosto de 2013).
A Conferência é uma realização da Prefeitura Municipal de Campina Grande (Secretaria Municipal de Esporte, Juventude e Lazer e Secretaria Municipal de Educação), Conselho Municipal de Juventude. O evento conta com o apoio de organizações de juventude e de assessoria a grupos de jovens, a exemplo do Centro de Ação Cultural – CENTRAC e ainda do Grupo de Percussão MaracaGrande.
Mais informações: cmjuventude.cg@gmail.com, facebook.com/cmjcg ou (83) 9-8894-1343 e 9-8837-4838.

PROGRAMAÇÃO:
Dia 28/08
Abertura da III Conferência Municipal de Políticas Públicas de Juventude de Campina Grande
19hs – Posse do Conselho Municipal de Juventude.
19h30 – Palestra de abertura: “Panorama da Juventude de Campina Grande”, com Iolanda Barbosa, Secretária Municipal de Educação
20h00 – Debate
20h30 – Atividade cultural

Dia 29/08
08h às 10hs: Credenciamento
09h às 12hs: Trabalhos nos eixos temáticos
12hs às 13hs: Almoço
13hs às 16hs: Trabalhos nos eixos temáticos
16hs às 17hs: Atividade cultural
17hs às 19hs: Plenária final e eleição de delegados para a etapa estadual da conferência.

Saiba o que cada eixo temático discute e escolha em qual participar:
Eixo 1: Participação: Discutir e propor estratégias para qualificar e intensificar a participação d@s jovens na política, através de fóruns, redes, instituições, serviços, campanhas e identificar outras estratégias e formas de participação, propondo alternativas para que essas diferentes maneiras de participar e influenciar o poder público local nas decisões referentes às políticas de/para a juventude da cidade.

Facilitadora: Ana Patrícia Sampaio de Almeida (Centro de Ação Cultural – CENTRAC)
Eixo 2: Meio ambiente, território e mobilidade: Discutir a produção e consumo e seus impactos para o meio ambiente, além de estratégias de sustentabilidade. Diversos temas são contemplados, como: direito ao território, mobilidade humana e urbana, processos de urbanização, transporte público, juventudes da cidade e do campo, juventudes quilombolas e indígenas.

Facilitadora: Maria Luiza (Núcleo de Estudos, Pesquisas e Projetos de Reforma Agrária – NERA)
Eixo 3: Cultura e Direito à Comunicação: Discutir o acesso a entretenimento e cultura, as políticas públicas municipais de cultura e alternativas para fomentar a produção cultural da população juvenil da cidade, o acesso à Internet, educação para a leitura crítica da mídia, produção de conteúdo para/por jovens, democratização da comunicação e desburocratização dos processos de concessão de rádios comunitárias.
Facilitadores: Hipólito Lucena (Assessor de Comunicação da UEPB) e Maíra Nunes (Professora de Comunicação Social-UFCG)
Eixo 4: Diversidade e Igualdade: Discutir o fortalecimento das políticas que promovam a igualdade entre homens e mulheres, o combate à homofobia, a luta contra o racismo e respeito à diversidade sexual. Valorização da cultura dos povos tradicionais e suas heranças afro e indígenas para a formação cultural brasileira. Respeito aos territórios dos povos indígenas e quilombolas.

Facilitadora: Thuanne Haylla (UEPB)
Eixo 5: Saúde, Esporte e Lazer: Discutir a promoção, prevenção e restabelecimento da saúde do jovem, compreendendo a saúde na sua integralidade. Tratamento de doenças sexualmente transmissíveis e redução de danos. Quanto ao esporte e ao lazer, discutir o acesso aos espaços públicos para a prática de esportes, ampliação e qualificação dos programas de incentivo às diversas formas de praticar esporte como recreação e lazer.
Facilitador: Carlinhos Marinho (Pastoral da Juventude do Meio Popular – PJMP)
Eixo 6: Segurança pública e acesso à justiça: Discutir questões como índice de violência praticada ou sofrida por jovens do município, formas de abordagem da polícia e prática de violência institucional. Índices de homicídio da juventude negra no município e aperfeiçoamento das políticas em torno desse fenômeno, bem como questões referentes à criminalização da juventude.

Facilitadores: Ariosvalber Oliveira (UFCG) e Olímpio Rocha (OAB)
Eixo 7: Educação e Trabalho: Refletir sobre as políticas de educação no município avaliando o impacto, a qualidade e a efetividade das ações. Discute acesso à educação básica, formação técnica para o mercado de trabalho, oferta e qualidade dos espaços de formação e qualificação profissional em nível técnico, inserção do jovem no mercado de trabalho, redução do índice de desemprego entre jovens, acesso aos direitos trabalhistas, segurança no trabalho.
Facilitador: Maxsuel Alves (Historiador da Educação – UFCG/AJURCC)