Bispo de Campina Grande recebe cidadania campinense

cidadaoCGFoi realizada na Câmara Municipal sessão solene, nesta quarta-feira, no Plenário da Casa para homenagear com Título de Cidadania Campinense o bispo de Campina Grande, Dom Manuel Delson Pedreira da Cruz, cuja propositura é de autoria dos vereadores Nelson Gomes Filho e Antônio Alves Pimentel Filho. Na oportunidade também receberam a honraria os padres Antônio Nelson da Silva, Karson Klay Medeiros Rocha e Dezenilton da Silva Santos, ambos atendendo projeto de lei de autoria do vereador Orlandino Farias e do então vereador e hoje deputado estadual, Tovar Correia Lima, consecutivamente.
A solenidade foi dirigida pelo presidente do Poder Legislativo, vereador Antônio Alves Pimentel Filho e contou a presença de várias autoridades eclesiásticas, civil e militar além de seguidores da igreja católica, amigos e familiares dos homenageados. O vereador Nelson Gomes Filho saudou os presentes destacando a trajetória Dom Manuel Delson Pedreira da Cruz, bispo de Campina Grande há três anos. Lembrou que o mesmo é natural da cidade Biritinga, interior da Bahia. Ele é formado em filosofia, teologia e é mestre em Comunicação Social.
O homenageado foi ordenado sacerdote em 5 de julho de 1980 na arquidiocese de Feira de Santana. Antes de vir para Campina Grande, em 29 de setembro de 2012, quando nomeado como sétimo bispo diocesano pelo Papa Bento XVI, exercia suas funções da cidade de Caicó, Rio Grande do Norte. “A vida de Dom Manuel Delson Pedreira da Cruz, não tem fronteiras, sua determinação, sua paixão pelo trabalho, sua luta, sua persistência, trouxeram desenvolvimento para nossa cidade e o fizeram herdeiro do nosso povo, da nossa terra”, destacou o vereador Nelson Gomes Filho ao justificar a honraria entregue ao homenageado.
O vereador/presidente Antônio Alves Pimentel Filho também ressaltou na oportunidade a trajetória de Dom Manuel Delson Pedreira da Cruz e disse que, “essa cidadania reconhece os relevantes serviços prestados a cidade pelo bispo, é o reconhecimento por tudo que tem feito, no seu esforço pessoal para trazer ao seu pastoreio dignidade, justiça, paz, inclusão social, como missão ao ser chamado por Deus para ser o sal da terra e a luz do mundo”.
Dom Manuel Delson Pedreira da Cruz agradeceu a honraria recebida dizendo que se sentia extremamente grato e classificou o título como ato de acolhimento, generosidade, cortesia e gratidão pela sua pessoa como dirigente da igreja. No seu discurso disse que ser cidadão campinense é uma honra especial e lembrou que” a obra mais importante da igreja é proporcionar o encontro do povo com jesus Cristo”. Não esqueceu de citar os problemas que hoje assolam a população como por exemplo a crise hídrica, como umas das preocupações da igreja.

cidadaoCGFoi realizada na Câmara Municipal sessão solene, nesta quarta-feira, no Plenário da Casa para homenagear com Título de Cidadania Campinense o bispo de Campina Grande, Dom Manuel Delson Pedreira da Cruz, cuja propositura é de autoria dos vereadores Nelson Gomes Filho e Antônio Alves Pimentel Filho. Na oportunidade também receberam a honraria os padres Antônio Nelson da Silva, Karson Klay Medeiros Rocha e Dezenilton da Silva Santos, ambos atendendo projeto de lei de autoria do vereador Orlandino Farias e do então vereador e hoje deputado estadual, Tovar Correia Lima, consecutivamente.
A solenidade foi dirigida pelo presidente do Poder Legislativo, vereador Antônio Alves Pimentel Filho e contou a presença de várias autoridades eclesiásticas, civil e militar além de seguidores da igreja católica, amigos e familiares dos homenageados. O vereador Nelson Gomes Filho saudou os presentes destacando a trajetória Dom Manuel Delson Pedreira da Cruz, bispo de Campina Grande há três anos. Lembrou que o mesmo é natural da cidade Biritinga, interior da Bahia. Ele é formado em filosofia, teologia e é mestre em Comunicação Social.
O homenageado foi ordenado sacerdote em 5 de julho de 1980 na arquidiocese de Feira de Santana. Antes de vir para Campina Grande, em 29 de setembro de 2012, quando nomeado como sétimo bispo diocesano pelo Papa Bento XVI, exercia suas funções da cidade de Caicó, Rio Grande do Norte. “A vida de Dom Manuel Delson Pedreira da Cruz, não tem fronteiras, sua determinação, sua paixão pelo trabalho, sua luta, sua persistência, trouxeram desenvolvimento para nossa cidade e o fizeram herdeiro do nosso povo, da nossa terra”, destacou o vereador Nelson Gomes Filho ao justificar a honraria entregue ao homenageado.
O vereador/presidente Antônio Alves Pimentel Filho também ressaltou na oportunidade a trajetória de Dom Manuel Delson Pedreira da Cruz e disse que, “essa cidadania reconhece os relevantes serviços prestados a cidade pelo bispo, é o reconhecimento por tudo que tem feito, no seu esforço pessoal para trazer ao seu pastoreio dignidade, justiça, paz, inclusão social, como missão ao ser chamado por Deus para ser o sal da terra e a luz do mundo”.
Dom Manuel Delson Pedreira da Cruz agradeceu a honraria recebida dizendo que se sentia extremamente grato e classificou o título como ato de acolhimento, generosidade, cortesia e gratidão pela sua pessoa como dirigente da igreja. No seu discurso disse que ser cidadão campinense é uma honra especial e lembrou que” a obra mais importante da igreja é proporcionar o encontro do povo com jesus Cristo”. Não esqueceu de citar os problemas que hoje assolam a população como por exemplo a crise hídrica, como umas das preocupações da igreja.