Estudantes de Campina Grande criam máquina que produz água

maquinaAguaEm tempos de crise hídrica, alunos de uma escola de Campina Grande desenvolveram uma máquina que produz água. O experimento foi elaborado por 12 estudantes e dois professores de Física e Biologia.

O protótipo funciona através de um condensador que usa água, sal e álcool para refrigerar o mecanismo e transformar vapor em água própria para o consumo humano. O protótipo, que custou cerca de R$ 350 gera 750 ml de água em um dia. Já um protótipo que custaria individualmente R$750, seria capaz de gerar 10 litros de água por dia o suficiente para atender uma família de cinco pessoas.

Portalcorreio

maquinaAguaEm tempos de crise hídrica, alunos de uma escola de Campina Grande desenvolveram uma máquina que produz água. O experimento foi elaborado por 12 estudantes e dois professores de Física e Biologia.

O protótipo funciona através de um condensador que usa água, sal e álcool para refrigerar o mecanismo e transformar vapor em água própria para o consumo humano. O protótipo, que custou cerca de R$ 350 gera 750 ml de água em um dia. Já um protótipo que custaria individualmente R$750, seria capaz de gerar 10 litros de água por dia o suficiente para atender uma família de cinco pessoas.

Portalcorreio