Apresentado, Deivid promete ano de títulos: “Vou fazer trabalho vitorioso”

Deivid é o novo treinador do Cruzeiro. Nesta quinta-feira, o ex-jogador foi oficialmente apresentado como comandante técnico para a próxima temporada, substituindo Mano Menezes, que foi para o futebol chinês. O contrato é de um ano, com possibilidade de renovação por mais uma temporada. Deivid falou sobre a oportunidade que está tendo e demonstrou muita confiança no trabalho dele e de sua comissão técnica, prometendo uma passagem vitoriosa pela Toca da Raposa.
– Estou muito feliz e confiante. Vinha estudando desde 2007, quando estava na Turquia. Passei por cinco escolas diferentes. Sei que o desafio é muito grande, sei da responsabilidade, mas estou muito confiante que vou fazer um grande trabalho. Eu vinha me preparando pra essa oportunidade, e tenho certeza que vou fazer um trabalho vitorioso, como foi como atleta. Gosto de conquistar, de ser lembrado, e vocês podem ter certeza que o Cruzeiro, a partir de 2016, vai ser um clube que vai entrar para ganhar, nunca só pra disputar.
A coletiva de imprensa de apresentação foi na sede administrativa do Cruzeiro, no Barro Preto, e contou com o presidente do Cruzeiro, Gilvan de Pinho Tavares, o diretor de futebol Thiago Scuro, o vice-presidente de futebol Bruno Vicintin, o supervisor de futebol Benecy Queiroz, o treinador Deivid, e os novos integrantes da comissão técnica do Cruzeiro, o preparador físico Alexandre Lopes e o assistente técnico Pedrinho.
Gilvan de Pinho disse que sempre teve confiança em Deivid e revelou que a ideia de efetivá-lo como treinador já vem desde a demissão de Vanderlei Luxemburgo, no início do segundo turno do Campeonato Brasileiro.
– Antes mesmo da vinda do Mano Menezes, eu fui surpreendido numa reunião com os jogadores na Toca, que me pediram pra não trazer outro treinador, para deixar o Deivid, que eles tinham certeza que o Deivid seria esse treinador ideal pra comandar o Cruzeiro no restante da competição. Naquela época, era um pouco mais conturbado pra gente, porque a gente ainda tinha risco na competição, e resolvemos trazer o Mano Menezes. Com a proposta irrecusável que o Mano teve do futebol chinês para nos deixar, nós desde o primeiro momento optamos por efetivar o Deivid como treinador. Precisávamos compor com ele uma comissão técnica que dê a ele o apoio que ele vai precisar.
A comissão técnica formada foi uma decisão em conjunto da diretoria com Deivid. O preparador físico Alexandre Lopes chega ao clube para ser integrante da comissão técnica permanente do Cruzeiro, e Pedrinho vem ao clube com um contrato de um ano, como auxiliar de Deivid.
globoesporte

Banner Add

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial