Na estreia da Copa Brasil, o Campinense recebe a visita do Cruzeiro no Estádio Amigão

O presidente do Campinense, William Simões, revelou ontem após o sorteio, que preferia um time do nordeste, onde ele poderia ter torcedores. Mas, como o sorteio determinou que o Cruzeiro será o primeiro adversário do Rubro-Negro de Campina Grande na disputa da Copa do Brasil deste ano.
O mandatário da Raposa disse que apesar do Cruzeiro ser uma grande equipe, da Série A do Campeonato Brasileiro, a preferência seria um clube que atraísse mais torcedores aos Estádio Amigão tendo em vista que, segundo William, no Nordeste, a torcida cruzeirense não é tão numerosa o quanto se pensa.
– Bom, já que a gente não tem como escolher é encarar o jogo contra o Cruzeiro com seriedade. É uma grande equipe do Brasil e um dos mais difíceis desafios que a gente poderia enfrentar. No aspecto torcida, a gente preferiria um time do Rio, Flamengo por exemplo, que iria atrair mais torcedores para o estádio. A gente fica meio chateado porque além de ser um jogo muito difícil, não vai ser com um time que tenha tanta torcida assim na região Nordeste, o que prejudica no quesito arrecadação – comentou o dirigente rubro-negro.
Os confrontos da primeira fase da Copa do Brasil 2016 foram definidos na tarde de ontem, na sede da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), no Rio de Janeiro. Mesmo com os jogos já definidos, a CBF ainda não definiu a data do confronto entre raposas que vai acontecer, inicialmente, em Campina Grande.
Márcio Góes

Banner Add

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial