Em jogo fraco, Paraíba e Treze ficam no empate

Os quatro gols do jogo até causam uma falsa impressão de que Paraíba e Treze fizeram um bom jogo na noite desta quinta-feira (11), em Cajazeiras. O que foi visto, no entanto, uma partida sofrível apesar do empate em 2 a 2 no Perpetão.
Pouca inspiração técnica de ambos os times resume o que foi o jogo. Raras oportunidades criadas.
Nas poucas que surgiram o Treze fez primeiro com André Lima, que acabara de entrar no lugar de Júnior Xuxa, apagado no jogo, aos 25 minutos do segundo tempo. Logo em seguida, o Paraíba empatou com França, que passou como quis entre os zagueiros e finalizou forte sem chance para Márcio Greyck.
Nos minutos finais, dois pênaltis.
O primeiro para o Paraíba.
Cleitinho limpou Larramendi, que o derrubou infantilmente. França na cobrança fez 2 a 1.
Na sequência, novo pênalti.
Depois da cobrança de escanteio do Treze, o árbitro Renan Roberto viu mão na bola do zagueiro do Paraíba Marcelo na subida com Guilherme, do Galo. Lucio Curió cobrou com segurança e deu números finais ao jogo.
Com o resultado, o Paraíba se mantém na perigosa zona dos quatro piores que irão disputar o quadrangular da morte, com os mesmos 5 pontos do Sousa, terceiro colocado do grupo A. Já o Treze, com 4 pontos, mas com um jogo a menos, é o terceiro colocado do grupo A.
Enquanto o Paraíba volta a jogar só no domingo, dia 21, contra o Esporte de Patos, fora de casa, o Galo visita o Santa Cruz-PB, quarta-feira, dia 17, no Almeidão, em partida atrasada da primeira rodada.
Auto se reabilita e afunda Esporte de Patos
No jogo principal da rodada dupla do Almeidão, o Auto Esporte se reabilitou na competição depois de ser goleado pelo Treze, vencendo o Esporte de Patos por 3 a 1.
Na preliminar, o Santa Cruz venceu o Atlético por 1 a 0. Já no Sertão, Sousa e CSP empataram em 1 a 1.
MaisPB

Banner Add

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial