MP da Paraíba veta Torcida Jovem do Sport para jogo contra o Botafogo-PB

A Comissão Permanente de Combate e Prevenção à Violência nos Estádios da Paraíba, que tem o Ministério Público da Paraíba à frente da entidade, emitiu uma recomendação na tarde desta sexta-feira em que proíbe a presença da Torcida Jovem do Sport no jogo do próximo domingo, contra o Botafogo-PB, pela Copa do Nordeste de 2016. A partida vai acontecer no Estádio Almeidão, a partir das 16h (horário local), e na prática serão barrados torcedores que comparecerem à praça esportiva com camisas ou símbolos que identifiquem a torcida organizada rubro-negra.
O documento, assinado pelo procurador Valberto Lira (que preside a comissão), deixa claro que a torcida do Sport pode ir ao jogo e terá direito a 10% dos ingressos, de forma que a medida só atinge a Torcida Jovem do time pernambucano.
E nas justificativas dadas pelo procurador para embasar a decisão, ele faz referências às confusões registradas no Nordestão de 2014, em jogo que também reuniu as duas equipes no Almeidão.
Dentro das considerações listadas pelo documento, Valberto destaca como principal um “relatório encaminhado pela Polícia Militar do Estado da Paraíba, dando conta do comportamento da ‘Torcida Jovem do Sport’, do time do Sport Clube do Recife, que em outra oportunidade, mais precisamente no dia 19 de janeiro de 2014, nesta cidade, foi responsável pela prática de diversas ilicitudes, e da prática de atos não recomendados às torcidas organizadas”.
Naquela oportunidade, um incidente entre torcedores do Sport e homens da Polícia Militar fez com que o jogo fosse suspenso por alguns minutos, depois que o gás de pimenta usado pela PM foi levado para dentro do campo de jogo, incomodando os jogadores dos dois times.
Valberto Lira lista, ainda, alguns outros fatores que tornam o jogo como sendo de risco, o que segundo ele obriga tal medida. Entre elas, obras em curso na área externa do Estádio Almeidão, que incluem o estacionamento da praça esportiva e um viaduto que está sendo erguido bem próximo do local do jogo.
– A presença de entulhos nos arredores do estádio podem facilmente ser transformadas em verdadeiras armas a serem utilizadas pelos torcedores – destaca Valberto.
A recomendação foi encaminhada para a Polícia Militar da Paraíba, que já disse que vai se mobilizar para cumprir a “medida preventiva”. E pede para que a decisão seja repassada imediatamente à Federação Pernambucana de Futebol e ao Sport.

Banner Add

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial