Estádio Amigão passa por uma vistória da CBF, visando partida da Copa do Brasil dia 13 de Abril

O inspetor da CBF Reginaldo Cordeiro esteve fazendo uma vistoria no Estádio Amigão ontem a tarde. O objetivo da visita foi avaliar se a praça esportiva tem condições de receber a partida entre Campinense e Cruzeiro, no dia 13 de Abril, válida pela Copa do Brasil.
Após a vistoria, o relatório foi enviado ao diretor de competições da entidade máxima do futebol, para emitir o parecer final sobre a realização ou não da partida no Estádio Amigão em Campina Grande.
Segundo, Reginaldo Cordeiro, vários aspectos do estádio paraibano estão sendo avaliados, desde questões estruturais até condições de higiene, proximidade do torcedor com os árbitros e jogadores, conforto e iluminação, por exemplo.
O inspetor da CBF, deixou a entender que dificilmente o Estádio Amigão será vetado para a peleja da Copa do Brasil. Isto porque após emitir o parecer, a CBF costuma dar um prazo para que as eventuais irregularidades constatadas sejam corrigidas pelo administrador da praça esportiva.
– Avaliamos muitas coisas que influenciam diretamente na partida, mas para falar a verdade, acho difícil o estádio não ser liberado, até porque é sempre do interesse do administrador e do clube mandante corrigir os eventuais erros para poderem sediar a partida – declarou Reginaldo Cordeiro.
O combate entre Campinense e Cruzeiro, está programada par o dia 13 de abril, às 21h45, no Estádio Amigão. Caso o time mineiro vença por dois ou mais gols de diferença avança direto para segunda fase da competição.
Márcio Góes

Banner Add

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial