Guindaste tomba ao tentar resgatar carreta acidentada na GO-174

guinchoUma carreta caiu de uma ponte na GO-174, entre Rio Verde e Aparecida do Rio Doce, no sudoeste do estado, após passar em um buraco. Dois guindastes foram ao local para efetuar o resgate, mas um deles acabou tombando. Apesar do susto, ninguém ficou ferido. A rodovia permanecia interditada na manhã desta segunda-feira (14).
O acidente com a carreta, carregada de farelo de soja, aconteceu no domingo (13). “A causa foi um buraco. Eu estava em velocidade baixa, mas, devido à má conservação da pista, isso ao aconteceu. Graças a Deus que foi só um caminhão, pois já pensou se pega a família de alguém?”, disse o motorista do veículo, Marcelo Fila.
Enquanto os guindastes tentavam retirar a carreta, um deles não suportou o peso e também tombou. O veículo ficou com as rodas para cima, mas o condutor também escapou ileso.
Por conta do acidente, a Polícia Rodoviária Estadual (PRE) desviou o tráfego de veículos para uma estrada de terra, alterando a viagem em cerca de 8 km. Segundo a corporação, ainda não há previsão de liberação do trecho.
A Agência Goiana de Transportes e Obras (Agetop) informou que faz os reparos na rodovia e que o cronograma de obras é mantido de maneira contínua.
G1

guinchoUma carreta caiu de uma ponte na GO-174, entre Rio Verde e Aparecida do Rio Doce, no sudoeste do estado, após passar em um buraco. Dois guindastes foram ao local para efetuar o resgate, mas um deles acabou tombando. Apesar do susto, ninguém ficou ferido. A rodovia permanecia interditada na manhã desta segunda-feira (14).
O acidente com a carreta, carregada de farelo de soja, aconteceu no domingo (13). “A causa foi um buraco. Eu estava em velocidade baixa, mas, devido à má conservação da pista, isso ao aconteceu. Graças a Deus que foi só um caminhão, pois já pensou se pega a família de alguém?”, disse o motorista do veículo, Marcelo Fila.
Enquanto os guindastes tentavam retirar a carreta, um deles não suportou o peso e também tombou. O veículo ficou com as rodas para cima, mas o condutor também escapou ileso.
Por conta do acidente, a Polícia Rodoviária Estadual (PRE) desviou o tráfego de veículos para uma estrada de terra, alterando a viagem em cerca de 8 km. Segundo a corporação, ainda não há previsão de liberação do trecho.
A Agência Goiana de Transportes e Obras (Agetop) informou que faz os reparos na rodovia e que o cronograma de obras é mantido de maneira contínua.
G1