STJD atende o Treze e cancela semifinal entre Raposa e CSP. Torcida do Galo faz festa em Campina. Veja o vídeo

CIMG2402Na tarde desta sexta-feira (6), o presidente do Superior Tribunal de Justiça Desportiva, Caio César Vieira Rocha, acatou parcialmente nova liminar impetrada pelo Treze e cancelou a partida Campinense x CSP, pela ida das semifinais do Paraibano. A disputa entre Raposa e Tigre estava marcada para as 19h de domingo (8), no estádio Amigão, em Campina Grande.
Para comemorar a decisão, parte da torcida do Galo da Borborema se reuniu na manhã deste sábado (7) no Calçadão da Cardoso Vieira, em Campina Grande e promoveu um apitaço, chamando a atenção de quem passava pelo local.

No pedido, o Treze solicitou ainda o rebaixamento do Campinense e a anulação dos jogos do Rubro-Negro no Paraibano deste ano e sua posterior inclusão no lugar do rival. No entanto, esses pedidos acabaram não sendo aceitos pelo STJD.

CIMG2403A alegação do Alvinegro é de que a Raposa estaria sem as certidões de quitação tributárias, o que é proibido e passível de eliminação das competições de acordo com o que estabelece a nova legislação do Programa de Modernização da Gestão e de Responsabilidade Fiscal do Futebol brasileiro (Profut).
De acordo com a assessoria do STJD, até que seja analisado o mérito da questão, ficam suspensas as partidas entre Raposa e Tigre, já que, de acordo com o despacho assinado pelo presidente do órgão, caso os jogos fossem realizados, iriam trazer prejuízos caso o mérito do Galo venha a ser concedido no final do processo.

VEJA O VÍDEO:
Voz da Torcida

CIMG2402Na tarde desta sexta-feira (6), o presidente do Superior Tribunal de Justiça Desportiva, Caio César Vieira Rocha, acatou parcialmente nova liminar impetrada pelo Treze e cancelou a partida Campinense x CSP, pela ida das semifinais do Paraibano. A disputa entre Raposa e Tigre estava marcada para as 19h de domingo (8), no estádio Amigão, em Campina Grande.
Para comemorar a decisão, parte da torcida do Galo da Borborema se reuniu na manhã deste sábado (7) no Calçadão da Cardoso Vieira, em Campina Grande e promoveu um apitaço, chamando a atenção de quem passava pelo local.

No pedido, o Treze solicitou ainda o rebaixamento do Campinense e a anulação dos jogos do Rubro-Negro no Paraibano deste ano e sua posterior inclusão no lugar do rival. No entanto, esses pedidos acabaram não sendo aceitos pelo STJD.

CIMG2403A alegação do Alvinegro é de que a Raposa estaria sem as certidões de quitação tributárias, o que é proibido e passível de eliminação das competições de acordo com o que estabelece a nova legislação do Programa de Modernização da Gestão e de Responsabilidade Fiscal do Futebol brasileiro (Profut).
De acordo com a assessoria do STJD, até que seja analisado o mérito da questão, ficam suspensas as partidas entre Raposa e Tigre, já que, de acordo com o despacho assinado pelo presidente do órgão, caso os jogos fossem realizados, iriam trazer prejuízos caso o mérito do Galo venha a ser concedido no final do processo.

VEJA O VÍDEO:
Voz da Torcida