Boxeador morre após sofrer nocaute em combate no Reino Unido

morreuUma notícia trágica pegou o de surpresa o mundo do pugilismo na madrugada deste sábado (1º). O boxeador escocês Mike Towell morreu após ser internado com graves ferimentos, decorridos de uma luta em Glasgow, cidade mais populosa da Escócia. No combate, Towell foi nocauteado pelo galês Dale Evans no quinto round do evento Glasgow’s Radisson Blu Hotel e recebeu atendimento imediato ainda no ringue.

Até então invicto na carreira, Towell, de 25 anos, foi derrubado ainda no primeiro round da luta, mas conseguiu se recuperar e seguiu no combate. No entanto, o domínio era total de seu oponente, que o castigava aos poucos.

O golpe praticamente fatal aconteceu no quinto round. Após sofrer um duro gancho de esquerda, Towell foi ao solo e o árbitro interrompeu o combate. A equipe médica o colocou imediatamente em um tubo de oxigênio e o levou direto para o hospital Queen Elizabeth University para receber os primeiros socorros.

De acordo com seu agente, Tommy Gilmour, Towell foi levado para o hospital já em estado grave e respirava com a ajuda de aparelhos. Ainda segundo Gilmour, a família do escocês esteve ao lado dele durante todo o tempo.

Horas antes de ser dada a notícia do falecimento do boxeador, Dale Evans, em sua conta no Twitter, afirmou que nunca quis ver um adversário seu saindo de maca do ringue e disse que orava pela vida do colega.

“Estou devastado e todas as minhas orações estão com a família do Mike. Ele é um fantástico lutador. Fiquei feliz em vencer, mas ninguém espera e quer que o seu adversário passe por uma situação como essa. Isso é muito duro para a família e o meu coração fica em pedaços com isso”, disse o atleta.
Na madrugada de sexta (30) para sábado, o St Andrews Sporting Club confirmou o falecimento do atleta, até então sem sofrer uma derrota sequer na carreira. O cartel dele era de 12 lutas, 11 vitórias e apenas um empate. A causa da morte ainda não foi divulgada.
R7

morreuUma notícia trágica pegou o de surpresa o mundo do pugilismo na madrugada deste sábado (1º). O boxeador escocês Mike Towell morreu após ser internado com graves ferimentos, decorridos de uma luta em Glasgow, cidade mais populosa da Escócia. No combate, Towell foi nocauteado pelo galês Dale Evans no quinto round do evento Glasgow’s Radisson Blu Hotel e recebeu atendimento imediato ainda no ringue.

Até então invicto na carreira, Towell, de 25 anos, foi derrubado ainda no primeiro round da luta, mas conseguiu se recuperar e seguiu no combate. No entanto, o domínio era total de seu oponente, que o castigava aos poucos.

O golpe praticamente fatal aconteceu no quinto round. Após sofrer um duro gancho de esquerda, Towell foi ao solo e o árbitro interrompeu o combate. A equipe médica o colocou imediatamente em um tubo de oxigênio e o levou direto para o hospital Queen Elizabeth University para receber os primeiros socorros.

De acordo com seu agente, Tommy Gilmour, Towell foi levado para o hospital já em estado grave e respirava com a ajuda de aparelhos. Ainda segundo Gilmour, a família do escocês esteve ao lado dele durante todo o tempo.

Horas antes de ser dada a notícia do falecimento do boxeador, Dale Evans, em sua conta no Twitter, afirmou que nunca quis ver um adversário seu saindo de maca do ringue e disse que orava pela vida do colega.

“Estou devastado e todas as minhas orações estão com a família do Mike. Ele é um fantástico lutador. Fiquei feliz em vencer, mas ninguém espera e quer que o seu adversário passe por uma situação como essa. Isso é muito duro para a família e o meu coração fica em pedaços com isso”, disse o atleta.
Na madrugada de sexta (30) para sábado, o St Andrews Sporting Club confirmou o falecimento do atleta, até então sem sofrer uma derrota sequer na carreira. O cartel dele era de 12 lutas, 11 vitórias e apenas um empate. A causa da morte ainda não foi divulgada.
R7