Nove cidades tiveram índice de abstenção maior que 30%

Nove cidades do país tiveram índice de abstenção (quando o eleitor não comparece para votar) acima de 30% nestas eleições. Seis desses nove municípios ficam em Minas Gerais, inclusive os cinco primeiros colocados.

A cidade em que mais pessoas deixaram de votar foi Minas Novas, onde o índice de abstenção foi de 34,76%. Em seguida vem Rio Vermelho, com 33,5%, e em terceiro lugar, Berilo, com 32,16%.

Além das cidades mineiras, um município no Ceará, um no Amazonas e um na Bahia completam a lista.

Menor índice
A cidade catarinense de Presidente Castello Branco teve o menor índice de abstenção, com 1,55%. Apenas 25 dos 1.611 eleitores da cidade não compareceram para votar.

Na sequência, aparecem dois municípios gaúchos: Travesseiro e Mampituba, ambos com 1,67%. A cidade de Capitão, também no Rio Grande do Sul, registrou 1,83% de abstenção.

Por Flávia Mantovani
G1

Nove cidades do país tiveram índice de abstenção (quando o eleitor não comparece para votar) acima de 30% nestas eleições. Seis desses nove municípios ficam em Minas Gerais, inclusive os cinco primeiros colocados.

A cidade em que mais pessoas deixaram de votar foi Minas Novas, onde o índice de abstenção foi de 34,76%. Em seguida vem Rio Vermelho, com 33,5%, e em terceiro lugar, Berilo, com 32,16%.

Além das cidades mineiras, um município no Ceará, um no Amazonas e um na Bahia completam a lista.

Menor índice
A cidade catarinense de Presidente Castello Branco teve o menor índice de abstenção, com 1,55%. Apenas 25 dos 1.611 eleitores da cidade não compareceram para votar.

Na sequência, aparecem dois municípios gaúchos: Travesseiro e Mampituba, ambos com 1,67%. A cidade de Capitão, também no Rio Grande do Sul, registrou 1,83% de abstenção.

Por Flávia Mantovani
G1