Jovem é assassinado a tiros ao jogar futsal em JP; PB tem outros quatro homicídios

Cinco vítimas foram assassinadas na Paraíba na noite desta quinta-feira (3). Crimes ocorreram em João Pessoa, onde, em um dos três casos registrados, um jovem foi morto a tiros durante uma partida de futsal; na cidade de Boqueirão e em Patos, local em que um suspeito foi preso após tentar fugir.

Em João Pessoa, um dos crimes aconteceu no Bairro das Indústrias, na Zona Sul da cidade. O jovem assassinado, de 22 anos, era ex-presidiário e, segundo a Polícia Militar, estava jogando futsal quando uma dupla não identificada chegou à quadra de esportes que sediava a partida, o chamou pelo nome e efetuou disparos de arma de fogo, fugindo em seguida sem ser identificada. Ninguém foi preso e a polícia não apurou o que teria motivado o fato.
Também em João Pessoa, na mesma noite, outros dois homens foram mortos a tiros. Conforme relatou a PM, um dos casos ocorreu no bairro do Cristo Redentor, na Zona Oeste da cidade. O outro aconteceu no bairro de Jaguaribe, nas proximidades do Centro, onde um morador de rua foi morto. Até o fechamento desta matéria, ninguém foi preso pelos dois crimes.
Em Boqueirão, no Cariri da Paraíba, a 146 km da Capital, um homem não identificado foi executado no Centro do município. Segundo a PM da cidade, não se sabe quem teria cometido o homicídio e quais seriam as possíveis motivações.
Em Patos, no Sertão, a 307 km de João Pessoa, um homem foi morto a facadas após se envolver em um desentendimento durante uma bebedeira, de acordo com a PM. O suspeito do crime tentou fugir, mas foi preso. Com sintomas de embriaguez, ele foi direcionado à delegacia de Polícia Civil da cidade.

Cinco vítimas foram assassinadas na Paraíba na noite desta quinta-feira (3). Crimes ocorreram em João Pessoa, onde, em um dos três casos registrados, um jovem foi morto a tiros durante uma partida de futsal; na cidade de Boqueirão e em Patos, local em que um suspeito foi preso após tentar fugir.

Em João Pessoa, um dos crimes aconteceu no Bairro das Indústrias, na Zona Sul da cidade. O jovem assassinado, de 22 anos, era ex-presidiário e, segundo a Polícia Militar, estava jogando futsal quando uma dupla não identificada chegou à quadra de esportes que sediava a partida, o chamou pelo nome e efetuou disparos de arma de fogo, fugindo em seguida sem ser identificada. Ninguém foi preso e a polícia não apurou o que teria motivado o fato.
Também em João Pessoa, na mesma noite, outros dois homens foram mortos a tiros. Conforme relatou a PM, um dos casos ocorreu no bairro do Cristo Redentor, na Zona Oeste da cidade. O outro aconteceu no bairro de Jaguaribe, nas proximidades do Centro, onde um morador de rua foi morto. Até o fechamento desta matéria, ninguém foi preso pelos dois crimes.
Em Boqueirão, no Cariri da Paraíba, a 146 km da Capital, um homem não identificado foi executado no Centro do município. Segundo a PM da cidade, não se sabe quem teria cometido o homicídio e quais seriam as possíveis motivações.
Em Patos, no Sertão, a 307 km de João Pessoa, um homem foi morto a facadas após se envolver em um desentendimento durante uma bebedeira, de acordo com a PM. O suspeito do crime tentou fugir, mas foi preso. Com sintomas de embriaguez, ele foi direcionado à delegacia de Polícia Civil da cidade.