Jovem é morta pelo pai ao tentar defender a mãe em discussão familiar

Uma jovem de 20 anos foi morta pelo próprio pai ao tentar defender a mãe durante uma briga na casa da família em Itaquaquecetuba. De acordo com a Polícia Militar, o homem atirou na esposa, na filha, ateou fogo na casa e se matou em seguida. Nilson Soares Caldeira e sua filha, Kelly Cristina da Silva Caldeira serão enterrados neste sábado (10), no cemitério Morada da Paz, no Jardim São Paulo. Francisca Vanusa da Silva está internada no Hospital Santa Marcelina de Itaquaquecetuba.
De acordo com a Polícia Militar, o crime aconteceu na madrugada de sexta-feria (9), por volta das 2h30. A esposa de Nilson teria descoberto uma traição e o mandado para fora de casa. Ele voltou na madrugada para pegar seus pertencer, mas estava armado com um revólver. O casal teria discutido e trocado agressões. A filha tentou defender a mãe e acabou sendo baleada na cabeça.
O homem atirou na esposa, que foi atingida no ombro e ateou fogo na casa. Em seguida, ele se matou com um tiro na cabeça. Os três foram socorridos para o hospital Santa Marcelina de Itaquaquecetuba. Pai e filha morreram. A mãe está internada.
O G1 solicitou informações sobre seu estado de saúde e aguarda retorno da Secretaria de Saúde do Estado.
G1

Uma jovem de 20 anos foi morta pelo próprio pai ao tentar defender a mãe durante uma briga na casa da família em Itaquaquecetuba. De acordo com a Polícia Militar, o homem atirou na esposa, na filha, ateou fogo na casa e se matou em seguida. Nilson Soares Caldeira e sua filha, Kelly Cristina da Silva Caldeira serão enterrados neste sábado (10), no cemitério Morada da Paz, no Jardim São Paulo. Francisca Vanusa da Silva está internada no Hospital Santa Marcelina de Itaquaquecetuba.
De acordo com a Polícia Militar, o crime aconteceu na madrugada de sexta-feria (9), por volta das 2h30. A esposa de Nilson teria descoberto uma traição e o mandado para fora de casa. Ele voltou na madrugada para pegar seus pertencer, mas estava armado com um revólver. O casal teria discutido e trocado agressões. A filha tentou defender a mãe e acabou sendo baleada na cabeça.
O homem atirou na esposa, que foi atingida no ombro e ateou fogo na casa. Em seguida, ele se matou com um tiro na cabeça. Os três foram socorridos para o hospital Santa Marcelina de Itaquaquecetuba. Pai e filha morreram. A mãe está internada.
O G1 solicitou informações sobre seu estado de saúde e aguarda retorno da Secretaria de Saúde do Estado.
G1