Norte-americano é morto na própria casa durante festa de Natal, em Goiás

americanoO norte-americano Forrest Michael Platz, de 48 anos, foi morto a facadas neste domingo (25) durante a comemoração do Natal na casa dele, no Setor Universitário, em Goiânia. Segundo a Polícia Civil, o namorado da sogra o esfaqueou durante uma discussão. O suspeito está preso.
O homicídio aconteceu por volta das 4h30. Responsável por registrar o caso, o delegado Carlos Caetano Júnior, da Delegacia Estadual de Investigações de Homicídios (DIH), disse ao G1 que o norte-americano e a família da mulher dele estavam na casa. A confusão começou com uma briga entre a vítima e a companheira.
“Todos estavam embriagados. Num certo ponto, teve o desentendimento entre o americano e a companheira. Outras pessoas entraram na confusão e acabou que o amasiado da sogra dele deu as facadas”, explicou o delegado.
Apontado como autor do crime, o serralheiro Marcelo da Cruz Cardoso, de 32 anos, fugiu do local. Ele foi preso cerca de quatro horas depois na casa em que mora com a sogra da vítima, em Trindade, na Região Metropolitana de Goiânia.
“Ele [suspeito] disse que interveio para defender a mulher dele [sogra da vítima], que também se envolveu na confusão. O americano teria empurrado ela, e ele não gostou da situação”, disse o delegado.
Júnior ainda deve ouvir as testemunhas e o supeito formalmente. O corpo da vítima está no Instituto Médico Legal de Goiânia.
G1

americanoO norte-americano Forrest Michael Platz, de 48 anos, foi morto a facadas neste domingo (25) durante a comemoração do Natal na casa dele, no Setor Universitário, em Goiânia. Segundo a Polícia Civil, o namorado da sogra o esfaqueou durante uma discussão. O suspeito está preso.
O homicídio aconteceu por volta das 4h30. Responsável por registrar o caso, o delegado Carlos Caetano Júnior, da Delegacia Estadual de Investigações de Homicídios (DIH), disse ao G1 que o norte-americano e a família da mulher dele estavam na casa. A confusão começou com uma briga entre a vítima e a companheira.
“Todos estavam embriagados. Num certo ponto, teve o desentendimento entre o americano e a companheira. Outras pessoas entraram na confusão e acabou que o amasiado da sogra dele deu as facadas”, explicou o delegado.
Apontado como autor do crime, o serralheiro Marcelo da Cruz Cardoso, de 32 anos, fugiu do local. Ele foi preso cerca de quatro horas depois na casa em que mora com a sogra da vítima, em Trindade, na Região Metropolitana de Goiânia.
“Ele [suspeito] disse que interveio para defender a mulher dele [sogra da vítima], que também se envolveu na confusão. O americano teria empurrado ela, e ele não gostou da situação”, disse o delegado.
Júnior ainda deve ouvir as testemunhas e o supeito formalmente. O corpo da vítima está no Instituto Médico Legal de Goiânia.
G1