Homem é morto pelo irmão durante briga por causa de som na Paraíba

Givaldo Lourenço de Sousa, 23 anos, foi assassinado nesse domingo (25) a facadas durante uma discussão por causa de um som na cidade de Marizópolis, no Sertão do estado, a 450 km de João Pessoa. O suspeito do crime é o irmão de 24 anos, que foi preso em flagrante.
De acordo com o 14º BPM, os irmãos bebiam em casa quando iniciaram uma discussão porque um pedia para ouvir uma música e o outro queria outro estilo musical.
Nesse momento, os irmãos começaram uma briga e um deles se armou com uma faca e deu vários golpes no tórax de Givaldo, que morreu dentro de casa.
O suspeito do assassinato tentou fugir, mas foi perseguido por policiais do Grupo Tático Especial (GTE) e do 14º BPM e preso. O jovem foi levado para a Colônia Penal de Sousa.

Givaldo Lourenço de Sousa, 23 anos, foi assassinado nesse domingo (25) a facadas durante uma discussão por causa de um som na cidade de Marizópolis, no Sertão do estado, a 450 km de João Pessoa. O suspeito do crime é o irmão de 24 anos, que foi preso em flagrante.
De acordo com o 14º BPM, os irmãos bebiam em casa quando iniciaram uma discussão porque um pedia para ouvir uma música e o outro queria outro estilo musical.
Nesse momento, os irmãos começaram uma briga e um deles se armou com uma faca e deu vários golpes no tórax de Givaldo, que morreu dentro de casa.
O suspeito do assassinato tentou fugir, mas foi perseguido por policiais do Grupo Tático Especial (GTE) e do 14º BPM e preso. O jovem foi levado para a Colônia Penal de Sousa.