Agente da Operação Lei Seca foi atropelado e morto por veículo de luxo em João Pessoa

agenet2Um agente da Operação Lei Seca identificado como Diego Nascimento, 34, foi atropelado por um carro de luxo, na madrugada deste sábado (21). O acidente aconteceu no bairro do Bessa, em João Pessoa, durante trabalho da equipe de fiscalização. Segundo informações das redes sociais nesta manhã, o agente morreu.
O coronel Lívio Delgado, da Polícia Militar, explicou que por volta das 2h, o motorista do veículo modelo Porsche teria desobedecido à ordem de parada dada pelos agentes do Departamento Estadual de Trânsito da Paraíba (Detran-PB) e atropelou o agente Diogo Nascimento de Souza, em frente ao Clube dos Médicos.
O condutor fugiu, mas a placa do automóvel (PBX-0909- Brasília- Distrito Federal) caiu no local e foi recolhida pela equipe. Foi feita a identificação do acusado e o caso segue em investigação. A vítima foi socorrida para o Hospital de Emergência e Trauma da Capital, onde faleceu.
agenteInformações das redes sociais dão conta de que o carro pertence ao sistema Cabo Branco de Televisão e São Braz, do empresário José Carlos da Silva Júnior. A polícia recebeu informações de que o condutor do veículo seria Rodolfo Carlos, neto do empresário.

Redação com MaisPB

agenet2Um agente da Operação Lei Seca identificado como Diego Nascimento, 34, foi atropelado por um carro de luxo, na madrugada deste sábado (21). O acidente aconteceu no bairro do Bessa, em João Pessoa, durante trabalho da equipe de fiscalização. Segundo informações das redes sociais nesta manhã, o agente morreu.
O coronel Lívio Delgado, da Polícia Militar, explicou que por volta das 2h, o motorista do veículo modelo Porsche teria desobedecido à ordem de parada dada pelos agentes do Departamento Estadual de Trânsito da Paraíba (Detran-PB) e atropelou o agente Diogo Nascimento de Souza, em frente ao Clube dos Médicos.
O condutor fugiu, mas a placa do automóvel (PBX-0909- Brasília- Distrito Federal) caiu no local e foi recolhida pela equipe. Foi feita a identificação do acusado e o caso segue em investigação. A vítima foi socorrida para o Hospital de Emergência e Trauma da Capital, onde faleceu.
agenteInformações das redes sociais dão conta de que o carro pertence ao sistema Cabo Branco de Televisão e São Braz, do empresário José Carlos da Silva Júnior. A polícia recebeu informações de que o condutor do veículo seria Rodolfo Carlos, neto do empresário.

Redação com MaisPB