Subtenente da Polícia Militar e sua mulher são encontrados mortos em casa

mortosRJUm policial militar do 19º BPM (Copacabana) e sua mulher foram encontrados mortos, na noite desta quinta-feira, em Santa Cruz, na Zona Oeste do Rio. Segundo informações de policiais do 27º BPM (Santa Cruz), os corpos do subtenente Marcos Cesar Tarradt e o de Raphaela de Farias Guimarães estavam na casa onde moravam, na Rua 11, no conjunto Cesarão.
Ainda não há informações sobre as circunstâncias das mortes. Uma equipe da Divisão de Homicídios (DH) fez uma perícia na residência. Segundo as informações preliminares dos agentes, há indícios de que os dois tenham sido assassinados a facadas.
Uma parente de Tarradt esteve no local e contou aos agentes que o carro do subtenente, um Volkswagen Fox vermelho, havia desaparecido.
O subtenente tinha 48 anos e estava na corporação havia 28 anos, informou a assessoria de imprensa da PM. O corpo do policial e da mulher foram levados para o Instituto Médico-Legal (IML). Ele foi o 20º policial assassinado no Rio em 2017.
Em redes sociais, muitos lamentaram as mortes:
“Não sei o que motivou essa tragédia , mas sei de uma coisa: fizeram a maior covardia com um casal lindo de amigos, Tarradt e Raphaela, venho aqui deixar minha tristeza, minha indignação por essa covardia, mesmo sabendo que dá justiça divina ninguém escapa, já que a nossa aqui dos homens sabemos que é falha e injusta. Vão com Deus meus amigos, triste por não ter mas aqui em nossos olhos, mas a certeza que estará em nossos corações, #luto #tarradt #Rafaella #justica #pmerj #saudades”.
“Não sou de ficar compartilhando esse tipo de coisa, mas eu fiquei chocada com essa notícia! Cada vez a violência se aproxima mais de nós. Tá muito perto! Que Deus console os familiares, que Deus livre e guarde os nossos. #tristerealidade”.
“Amanhecendo com uma triste notícia! Que Deus conforte todos os seus familiares! #Tarradt #Raphaela Nem dentro de casa estamos tranquilos!”
Extra

mortosRJUm policial militar do 19º BPM (Copacabana) e sua mulher foram encontrados mortos, na noite desta quinta-feira, em Santa Cruz, na Zona Oeste do Rio. Segundo informações de policiais do 27º BPM (Santa Cruz), os corpos do subtenente Marcos Cesar Tarradt e o de Raphaela de Farias Guimarães estavam na casa onde moravam, na Rua 11, no conjunto Cesarão.
Ainda não há informações sobre as circunstâncias das mortes. Uma equipe da Divisão de Homicídios (DH) fez uma perícia na residência. Segundo as informações preliminares dos agentes, há indícios de que os dois tenham sido assassinados a facadas.
Uma parente de Tarradt esteve no local e contou aos agentes que o carro do subtenente, um Volkswagen Fox vermelho, havia desaparecido.
O subtenente tinha 48 anos e estava na corporação havia 28 anos, informou a assessoria de imprensa da PM. O corpo do policial e da mulher foram levados para o Instituto Médico-Legal (IML). Ele foi o 20º policial assassinado no Rio em 2017.
Em redes sociais, muitos lamentaram as mortes:
“Não sei o que motivou essa tragédia , mas sei de uma coisa: fizeram a maior covardia com um casal lindo de amigos, Tarradt e Raphaela, venho aqui deixar minha tristeza, minha indignação por essa covardia, mesmo sabendo que dá justiça divina ninguém escapa, já que a nossa aqui dos homens sabemos que é falha e injusta. Vão com Deus meus amigos, triste por não ter mas aqui em nossos olhos, mas a certeza que estará em nossos corações, #luto #tarradt #Rafaella #justica #pmerj #saudades”.
“Não sou de ficar compartilhando esse tipo de coisa, mas eu fiquei chocada com essa notícia! Cada vez a violência se aproxima mais de nós. Tá muito perto! Que Deus console os familiares, que Deus livre e guarde os nossos. #tristerealidade”.
“Amanhecendo com uma triste notícia! Que Deus conforte todos os seus familiares! #Tarradt #Raphaela Nem dentro de casa estamos tranquilos!”
Extra