OMS diz que riscos de transmissão de gripe aviária entre humanos são baixos

semRiscoHá um baixo risco de transmissão da gripe aviária de humano para humano na China, onde um surto da cepa H7N9 está infectando e matando pessoas, disse a Organização Mundial de Saúde (OMS) nesta quarta-feira (1º), apesar de os vírus aviários precisarem de monitoramento constante.
Os surtos de cepas de gripe aviária H5 em aves domésticas e selvagens em toda a Europa, África e Ásia também estão preocupando, disse a OMS.
E, embora o risco humano desses surtos também seja baixo por enquanto, a vigilância é vital, acrescentou a organização.
“A mudança constante é a natureza de todos os vírus da gripe –isso torna a gripe uma ameaça persistente e significativa para a saúde pública”, disse Wenqing Zhang, chefe do programa global da gripe da OMS, a repórteres por telefone.
G1

semRiscoHá um baixo risco de transmissão da gripe aviária de humano para humano na China, onde um surto da cepa H7N9 está infectando e matando pessoas, disse a Organização Mundial de Saúde (OMS) nesta quarta-feira (1º), apesar de os vírus aviários precisarem de monitoramento constante.
Os surtos de cepas de gripe aviária H5 em aves domésticas e selvagens em toda a Europa, África e Ásia também estão preocupando, disse a OMS.
E, embora o risco humano desses surtos também seja baixo por enquanto, a vigilância é vital, acrescentou a organização.
“A mudança constante é a natureza de todos os vírus da gripe –isso torna a gripe uma ameaça persistente e significativa para a saúde pública”, disse Wenqing Zhang, chefe do programa global da gripe da OMS, a repórteres por telefone.
G1