Romero agradece a Ivonete pela aprovação do reajuste do Magistério na Câmara Municipal

O prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues, agradeceu o empenho da presidente da Câmara Municipal, vereador Ivonete Ludgério, pela apreciação e votação do Projeto de Lei que reajusta o Piso Nacional do Magistério, na última terça-feira, 21.
Para o prefeito, a presidente da Câmara demonstrou seu espirito público e reconheceu a importância da matéria, cumprindo o compromisso de votá-la em regime de urgência para não prejudicar o Magistério. O prefeito também agradeceu aos demais vereadores pela comrp4eensão do momento.
A matéria de autoria do Poder Executivo recebeu a aprovação unânime dos 23 vereadores campineses, garantindo ao Magistério um reajuste de 7,64%, passa a vigorar retroativo ao mês de janeiro. A medida tem um impacto em torno de R$ 600 mil na folha mensal da educação municipal, advindos de recursos próprios do município.
Romero destaca que a medida é uma forma explicita de demonstrar o compromisso do governo municipal para com os educadores de Campina Grande, sendo isto possível por conta do equilíbrio fiscal da atual administração, além de fatores como a sinalização positiva de aumento de receitas, a exemplo do que já vem sendo demonstrando pelo pagamento do IPTU de 2017.

O prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues, agradeceu o empenho da presidente da Câmara Municipal, vereador Ivonete Ludgério, pela apreciação e votação do Projeto de Lei que reajusta o Piso Nacional do Magistério, na última terça-feira, 21.
Para o prefeito, a presidente da Câmara demonstrou seu espirito público e reconheceu a importância da matéria, cumprindo o compromisso de votá-la em regime de urgência para não prejudicar o Magistério. O prefeito também agradeceu aos demais vereadores pela comrp4eensão do momento.
A matéria de autoria do Poder Executivo recebeu a aprovação unânime dos 23 vereadores campineses, garantindo ao Magistério um reajuste de 7,64%, passa a vigorar retroativo ao mês de janeiro. A medida tem um impacto em torno de R$ 600 mil na folha mensal da educação municipal, advindos de recursos próprios do município.
Romero destaca que a medida é uma forma explicita de demonstrar o compromisso do governo municipal para com os educadores de Campina Grande, sendo isto possível por conta do equilíbrio fiscal da atual administração, além de fatores como a sinalização positiva de aumento de receitas, a exemplo do que já vem sendo demonstrando pelo pagamento do IPTU de 2017.