TV Assembleia debate uso medicinal da cannabis

A TV Assembleia debate, nesta quinta-feira (11), o uso da cannabis para fins medicinais. No programa “Em Discussão”, exibido às 20h30, a deputada estadual Estela Bezerra (PSB) e a vice-presidente da Liga Canábica Paraíba e membro da Associação Brasileira de Apoio Cannabis Esperança (Abrace), Sheila Geriz, debatem a implantação de políticas públicas para a liberação e regulamentação da maconha para uso medicinal.

De acordo com pesquisadores, o canabidiol (CBD), substância derivada da Cannabis sativa, vêm obtendo resultados positivos em tratamentos de pacientes com esquizofrenia, mal de Parkinson e epilepsia, além de não causar efeitos psicóticos ou dependência.

A TV Assembleia é transmitida por meio dos canais 40.2 digital; 11 (NET) e 340.2 (Vivo). Todo o conteúdo institucional da Assembleia Legislativa da Paraíba (www.al.pb.leg.br) pode ser acompanhado nas redes sociais através do Facebook, Instagram, Twitter e YouTube.

Audiência

A Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) realiza, nesta sexta-feira (12), uma audiência pública para discutir a criação de programas estaduais que incentivem à pesquisa e utilização de compostos da maconha para fins medicinais.

A audiência é o resultado da 2ª Vara da Justiça Federal na Paraíba que determinou à Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), em 27 de abril, a autorização para a Abrace cultivar e manipular a planta Cannabis.sp, exclusivamente para fins medicinais.

A TV Assembleia debate, nesta quinta-feira (11), o uso da cannabis para fins medicinais. No programa “Em Discussão”, exibido às 20h30, a deputada estadual Estela Bezerra (PSB) e a vice-presidente da Liga Canábica Paraíba e membro da Associação Brasileira de Apoio Cannabis Esperança (Abrace), Sheila Geriz, debatem a implantação de políticas públicas para a liberação e regulamentação da maconha para uso medicinal.

De acordo com pesquisadores, o canabidiol (CBD), substância derivada da Cannabis sativa, vêm obtendo resultados positivos em tratamentos de pacientes com esquizofrenia, mal de Parkinson e epilepsia, além de não causar efeitos psicóticos ou dependência.

A TV Assembleia é transmitida por meio dos canais 40.2 digital; 11 (NET) e 340.2 (Vivo). Todo o conteúdo institucional da Assembleia Legislativa da Paraíba (www.al.pb.leg.br) pode ser acompanhado nas redes sociais através do Facebook, Instagram, Twitter e YouTube.

Audiência

A Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) realiza, nesta sexta-feira (12), uma audiência pública para discutir a criação de programas estaduais que incentivem à pesquisa e utilização de compostos da maconha para fins medicinais.

A audiência é o resultado da 2ª Vara da Justiça Federal na Paraíba que determinou à Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), em 27 de abril, a autorização para a Abrace cultivar e manipular a planta Cannabis.sp, exclusivamente para fins medicinais.