Hemocentro lança campanha de doação feminina em homenagem às mães

Com o tema “Mãe, um exemplo de doação”, o Hemocentro da Paraíba realiza nesta sexta-feira (12), às 9h, a abertura da Campanha de Doação Feminina de Sangue alusiva ao Dia das Mães. A ação se estenderá até o dia 31 de maio e tem o objetivo de sensibilizar a população para a importância da doação de sangue, além de proporcionar o aumento do número de doadoras e do estoque de sangue. De acordo com o setor de estatísticas do Hemocentro, de cada 100 doações, apenas 23 são realizadas por pessoas do sexo feminino.

Na abertura da campanha as doadoras serão recepcionadas com músicas e ainda terão direito a participar do Espaço da Beleza, que contará com serviços de manicure e corte de cabelo. Haverá ainda uma homenagem à mãe com maior número de doações, entrega de brindes e um lanche especial para as doadoras. A palhaça Bom Te Ver também vai participar da animação da festa.

A coordenadora do Núcleo de Ações Estratégicas do Hemocentro da Paraíba, Divane Cabral, lembra que as únicas restrições que impedem a mulher de doar são a gravidez e estar no primeiro ano da amamentação. Ela explica que os fatores que diferenciam a doação masculina da feminina é que o homem pode doar de dois em dois meses, não ultrapassando as quatro doações anuais, enquanto que a mulher pode doar a cada três meses, desde que não faça mais do que três doações durante o ano.

Condições para ser doador de sangue:
– Ter idade entre 16 e 69 anos (se for menor de 18 anos é necessário a presença e autorização do responsável legal)
– Pesar acima de 50 quilos
– Ter dormido normalmente nas últimas 24 horas
– Estar alimentado, dando intervalo de 3 horas após o almoço
– Evitar alimentos gordurosos na véspera e no dia da doação
– Não ter tido hepatite após os 11 anos de idade
– Não estar gripado, resfriado, com febre ou diarreia
– Não ter ingerido bebida alcoólica nas últimas 12 horas
– Não ter comportamento de risco para doenças sexualmente transmissíveis
– Não estar grávida ou em período de amamentação. A menstruação e o uso de pílulas anticoncepcionais não impedem a doação
– Respeitar o intervalo entre as doações que devem ser de dois meses para os homens e de três meses para as mulheres
As pessoas interessadas em doar sangue podem ligar para o telefone (083)3218-7698.

Com o tema “Mãe, um exemplo de doação”, o Hemocentro da Paraíba realiza nesta sexta-feira (12), às 9h, a abertura da Campanha de Doação Feminina de Sangue alusiva ao Dia das Mães. A ação se estenderá até o dia 31 de maio e tem o objetivo de sensibilizar a população para a importância da doação de sangue, além de proporcionar o aumento do número de doadoras e do estoque de sangue. De acordo com o setor de estatísticas do Hemocentro, de cada 100 doações, apenas 23 são realizadas por pessoas do sexo feminino.

Na abertura da campanha as doadoras serão recepcionadas com músicas e ainda terão direito a participar do Espaço da Beleza, que contará com serviços de manicure e corte de cabelo. Haverá ainda uma homenagem à mãe com maior número de doações, entrega de brindes e um lanche especial para as doadoras. A palhaça Bom Te Ver também vai participar da animação da festa.

A coordenadora do Núcleo de Ações Estratégicas do Hemocentro da Paraíba, Divane Cabral, lembra que as únicas restrições que impedem a mulher de doar são a gravidez e estar no primeiro ano da amamentação. Ela explica que os fatores que diferenciam a doação masculina da feminina é que o homem pode doar de dois em dois meses, não ultrapassando as quatro doações anuais, enquanto que a mulher pode doar a cada três meses, desde que não faça mais do que três doações durante o ano.

Condições para ser doador de sangue:
– Ter idade entre 16 e 69 anos (se for menor de 18 anos é necessário a presença e autorização do responsável legal)
– Pesar acima de 50 quilos
– Ter dormido normalmente nas últimas 24 horas
– Estar alimentado, dando intervalo de 3 horas após o almoço
– Evitar alimentos gordurosos na véspera e no dia da doação
– Não ter tido hepatite após os 11 anos de idade
– Não estar gripado, resfriado, com febre ou diarreia
– Não ter ingerido bebida alcoólica nas últimas 12 horas
– Não ter comportamento de risco para doenças sexualmente transmissíveis
– Não estar grávida ou em período de amamentação. A menstruação e o uso de pílulas anticoncepcionais não impedem a doação
– Respeitar o intervalo entre as doações que devem ser de dois meses para os homens e de três meses para as mulheres
As pessoas interessadas em doar sangue podem ligar para o telefone (083)3218-7698.