Assembleia Legislativa concede título de Cidadão Paraibano ao presidente da Asplan

O presidente da Assembleia Legislativa (ALPB), deputado Gervásio Maia, participou nesta quinta-feira (25) de uma Sessão Especial em homenagem aos 60 anos da Associação dos Plantadores de Cana (Asplan). Na ocasião, a Assembleia concedeu o título de Cidadania Paraibana, proposto pelo deputado Tovar Correia, ao presidente da entidade, Murilo Paraíso.

Na solenidade, Gervásio destacou a importância da Asplan para o desenvolvimento da Paraíba. “A Asplan é representante de um setor que gera muitos empregos, com uma atuação forte na economia paraibana”, disse. “Já quanto ao título, posso dizer que Murilo Paraíso tem prestado serviços relevantes à categoria, ao estado. Então, fico muito feliz em participar de um momento como esse”, comentou.

Já o deputado Tovar Correia, autor da propositura, justificou a concessão do título de Cidadania Paraibana ao presidente da Asplan. “Murilo Paraíso tem trabalhado nesta entidade como poucos, colaborado para o desenvolvimento do setor canavieiro, que gera muitos empregos e renda para o nosso estado. Por isso, o mérito desse reconhecimento”, afirmou.

Para o deputado Branco Mendes, a homenagem da Casa de Epitácio Pessoa à Asplan e ao presidente da entidade ocorre em um momento oportuno. “Ao longo desses 60 anos, a Asplan não apenas tem gerado emprego e renda, mas também colaborado com os produtores de cana-de-açúcar, evitando o êxodo rural, prestando toda a assistência possível”, disse.

O presidente da Asplan, que é de Recife, capital pernambucana, agradeceu a homenagem da Assembleia Legislativa em conceder a ele o Título de Cidadania Paraibana. “Estou na Paraíba há quarenta anos, e já me sinto paraibano. No entanto, esse título vem fortalecer ainda mais esse sentimento. Por isso, recebo essa homenagem com muita alegria”, disse.

O secretário de Estado do Turismo e Desenvolvimento Econômico, Lindolfo Pires, parabenizou a iniciativa da Assembleia. “É um segmento da nossa sociedade que gera emprego, que traz riquezas para o estado da Paraíba. A Asplan, durante esses 60 anos, tem atuado de forma significativa no desenvolvimento do nosso estado”, finalizou.

Participaram ainda da solenidade auxiliares do Governo do Estado, a exemplo de Rômulo Montenegro, secretário de Estado da Secretaria de Desenvolvimento Agropecuário e Pesca, o deputado federal André Amaral, empresários, entre outras autoridades.

Asplan – A Asplan é uma entidade representativa da classe dos plantadores de cana-de-açúcar do Estado da Paraíba, fundada em 27 de maio de1957, com a finalidade de defender os interesses dos associados e produtores.

A Associação conta hoje com uma área de atuação que envolve mais de trinta municípios do Litoral, Agreste e Brejo paraibano, com histórico de lutas e ações que contribuíram para o respeito e consolidação da classe produtiva canavieira paraibana, nos cenários local, regional e nacional.

O homenageado – Murilo Correia Paraíso é natural de Recife, Pernambuco. O engenheiro civil chegou à Paraíba há quarenta anos. Na capital paraibana, Murilo ajudou na construção de importantes avenidas. Mas logo ingressou no setor canavieiro, sendo um dos mais importantes produtores do setor.

O presidente da Assembleia Legislativa (ALPB), deputado Gervásio Maia, participou nesta quinta-feira (25) de uma Sessão Especial em homenagem aos 60 anos da Associação dos Plantadores de Cana (Asplan). Na ocasião, a Assembleia concedeu o título de Cidadania Paraibana, proposto pelo deputado Tovar Correia, ao presidente da entidade, Murilo Paraíso.

Na solenidade, Gervásio destacou a importância da Asplan para o desenvolvimento da Paraíba. “A Asplan é representante de um setor que gera muitos empregos, com uma atuação forte na economia paraibana”, disse. “Já quanto ao título, posso dizer que Murilo Paraíso tem prestado serviços relevantes à categoria, ao estado. Então, fico muito feliz em participar de um momento como esse”, comentou.

Já o deputado Tovar Correia, autor da propositura, justificou a concessão do título de Cidadania Paraibana ao presidente da Asplan. “Murilo Paraíso tem trabalhado nesta entidade como poucos, colaborado para o desenvolvimento do setor canavieiro, que gera muitos empregos e renda para o nosso estado. Por isso, o mérito desse reconhecimento”, afirmou.

Para o deputado Branco Mendes, a homenagem da Casa de Epitácio Pessoa à Asplan e ao presidente da entidade ocorre em um momento oportuno. “Ao longo desses 60 anos, a Asplan não apenas tem gerado emprego e renda, mas também colaborado com os produtores de cana-de-açúcar, evitando o êxodo rural, prestando toda a assistência possível”, disse.

O presidente da Asplan, que é de Recife, capital pernambucana, agradeceu a homenagem da Assembleia Legislativa em conceder a ele o Título de Cidadania Paraibana. “Estou na Paraíba há quarenta anos, e já me sinto paraibano. No entanto, esse título vem fortalecer ainda mais esse sentimento. Por isso, recebo essa homenagem com muita alegria”, disse.

O secretário de Estado do Turismo e Desenvolvimento Econômico, Lindolfo Pires, parabenizou a iniciativa da Assembleia. “É um segmento da nossa sociedade que gera emprego, que traz riquezas para o estado da Paraíba. A Asplan, durante esses 60 anos, tem atuado de forma significativa no desenvolvimento do nosso estado”, finalizou.

Participaram ainda da solenidade auxiliares do Governo do Estado, a exemplo de Rômulo Montenegro, secretário de Estado da Secretaria de Desenvolvimento Agropecuário e Pesca, o deputado federal André Amaral, empresários, entre outras autoridades.

Asplan – A Asplan é uma entidade representativa da classe dos plantadores de cana-de-açúcar do Estado da Paraíba, fundada em 27 de maio de1957, com a finalidade de defender os interesses dos associados e produtores.

A Associação conta hoje com uma área de atuação que envolve mais de trinta municípios do Litoral, Agreste e Brejo paraibano, com histórico de lutas e ações que contribuíram para o respeito e consolidação da classe produtiva canavieira paraibana, nos cenários local, regional e nacional.

O homenageado – Murilo Correia Paraíso é natural de Recife, Pernambuco. O engenheiro civil chegou à Paraíba há quarenta anos. Na capital paraibana, Murilo ajudou na construção de importantes avenidas. Mas logo ingressou no setor canavieiro, sendo um dos mais importantes produtores do setor.