Polícia prende integrantes de facção criminosa que promovia festas com exibição de armas na Capital

A Polícia Militar realizou uma operação, na tarde desta quarta-feira (7), que resultou na prisão de dois integrantes de uma facção criminosa, que vinha promovendo festas com participantes exibindo armas de vários calibres, na comunidade do Sítio, no bairro do Rangel, na capital. Com os suspeitos, de 19 e 23 anos, a PM apreendeu duas armas de fogo, quase meio quilo de maconha, 200 gramas de crack, balança de precisão e dinheiro.
Os suspeitos, que têm passagens pela polícia por homicídios e porte ilegal de arma, são também apontados como autores de um assalto que ocorreu terça-feira (6), na mesma comunidade, a um entregador de encomendas compradas pela internet, de quem foram levados vários materiais esportivos. Parte dos objetos também foi recuperada.
Equipes do Regimento de Polícia Montada (RPMont) e Força Tática do 1º Batalhão cercaram a comunidade depois que tiveram acesso a um dos vídeos das festas promovidas pela facção criminosa, recebido por meio de denúncias feitas à PM, nos quais identificaram alguns dos participantes e montaram uma operação para prendê-los.
A dupla foi levada para a Central de Flagrantes, que fica localizada no bairro do Geisel, na Capital.

A Polícia Militar realizou uma operação, na tarde desta quarta-feira (7), que resultou na prisão de dois integrantes de uma facção criminosa, que vinha promovendo festas com participantes exibindo armas de vários calibres, na comunidade do Sítio, no bairro do Rangel, na capital. Com os suspeitos, de 19 e 23 anos, a PM apreendeu duas armas de fogo, quase meio quilo de maconha, 200 gramas de crack, balança de precisão e dinheiro.
Os suspeitos, que têm passagens pela polícia por homicídios e porte ilegal de arma, são também apontados como autores de um assalto que ocorreu terça-feira (6), na mesma comunidade, a um entregador de encomendas compradas pela internet, de quem foram levados vários materiais esportivos. Parte dos objetos também foi recuperada.
Equipes do Regimento de Polícia Montada (RPMont) e Força Tática do 1º Batalhão cercaram a comunidade depois que tiveram acesso a um dos vídeos das festas promovidas pela facção criminosa, recebido por meio de denúncias feitas à PM, nos quais identificaram alguns dos participantes e montaram uma operação para prendê-los.
A dupla foi levada para a Central de Flagrantes, que fica localizada no bairro do Geisel, na Capital.