Presidente do Stiupb esclarece sobre salários na Cagepa e divulga contracheque

wEm virtude de informações desencontradas divulgadas nas redes sociais e na imprensa, o presidente do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias Urbanas da Paraíba (Stiupb), Wilton Maia Velez, usou o Facebook para fazer alguns esclarecimentos sobre notícias sobre “altos salários” na Cagepa. Wilton, inclusive, disponibilizou seu contracheque, como prova de que sempre defendeu a transparência na divulgação dos salários da empresa e do serviço público como um todo.
A maioria dos funcionários da Cagepa, conforme o presidente do Stiupb, recebe até R$ 5 mil por mês, fruto dos planos de cargos, dos reajustes salariais. “Alguns poucos recebem quantias maiores é porque estão em final de carreira, com mais de 30 anos de casa e tem gratificações incorporadas, fruto dos acordos coletivos”.
O dirigente classista lembrou que este ano, o Stiupb fez acordo pra congelar o Plano de Cargos e só houve reajuste para quem ganha até 5 mil e parcelado em duas vezes.
“O Stiupb tem travado uma luta incansável por uma Cagepa equilibrada financeiramente e que equívocos sejam apurados pelo Tribunal de Contas, órgão competente”, destacou Wilton Maia.
Em relação aos “altos salários” divulgados nas redes sociais, o sindicalista informou que isso não representa a maioria dos trabalhadores da Cagepa.
A própria direção da Companhia emitiu nota a respeito disso, afirmando: “Não existe salário de 79 mil na Cagepa. Esse valor se deu exclusivamente no mês em que o servidor entrou de férias. Na Cagepa, conforme acordo coletivo firmado com os sindicatos há anos, todo funcionário que entra de férias recebe o salário do mês, mais gratificação de férias, mais venda de 10 dias das férias (opcional), mais metade do décimo.”
wsSEU CONTRACHEQUE – Na postagem da rede social, o presidente do Stiupb colocou seu contracheque: “Aproveito essa postagem para publicar cópia de meu contracheque referente ao mês de abril de 2017, para esclarecer alguns comentários de quem não conhece a CAGEPA e não e que portanto, faz a critica gratuita e atacam a dignidade das pessoas, sem levar em conta qualquer fundamento”.
Wilton disse mais: “Meu salario é fruto de meu trabalho e o faço com muita responsabilidade, honrando assim cada paraibano e paraibana que usam os serviços da Companhia de Água e Esgotos da Paraíba – CAGEPA.”
Apoiamos a decisão do Tribunal de Contas do Estado, em disponibilizar a listagem de todos os salários dos servidores , empregado e comissionados da Paraíba, por fim, compreendendo que cabe ao TCE averiguar qualquer erro ou abuso que exista na folha de pessoal e que os agentes que cometeram tais erros, caso existam, sejam responsabilizados no rigor da lei.

Seguem alguns links de sites, onde Wilton Maia externou opinião sobre o tema em questão:
http://www.polemicaparaiba.com.br/…/denuncia-um-maraja-da-…/
http://rpscom1.blogspot.com.br/…/sindicalista-diz-que-falta…
http://www.lazarofarias.com.br/…/sindicalista-diz-que-maraj…
http://www.vladimirchaves.com.br/…/sindicalista-diz-que-fal…

wEm virtude de informações desencontradas divulgadas nas redes sociais e na imprensa, o presidente do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias Urbanas da Paraíba (Stiupb), Wilton Maia Velez, usou o Facebook para fazer alguns esclarecimentos sobre notícias sobre “altos salários” na Cagepa. Wilton, inclusive, disponibilizou seu contracheque, como prova de que sempre defendeu a transparência na divulgação dos salários da empresa e do serviço público como um todo.
A maioria dos funcionários da Cagepa, conforme o presidente do Stiupb, recebe até R$ 5 mil por mês, fruto dos planos de cargos, dos reajustes salariais. “Alguns poucos recebem quantias maiores é porque estão em final de carreira, com mais de 30 anos de casa e tem gratificações incorporadas, fruto dos acordos coletivos”.
O dirigente classista lembrou que este ano, o Stiupb fez acordo pra congelar o Plano de Cargos e só houve reajuste para quem ganha até 5 mil e parcelado em duas vezes.
“O Stiupb tem travado uma luta incansável por uma Cagepa equilibrada financeiramente e que equívocos sejam apurados pelo Tribunal de Contas, órgão competente”, destacou Wilton Maia.
Em relação aos “altos salários” divulgados nas redes sociais, o sindicalista informou que isso não representa a maioria dos trabalhadores da Cagepa.
A própria direção da Companhia emitiu nota a respeito disso, afirmando: “Não existe salário de 79 mil na Cagepa. Esse valor se deu exclusivamente no mês em que o servidor entrou de férias. Na Cagepa, conforme acordo coletivo firmado com os sindicatos há anos, todo funcionário que entra de férias recebe o salário do mês, mais gratificação de férias, mais venda de 10 dias das férias (opcional), mais metade do décimo.”
wsSEU CONTRACHEQUE – Na postagem da rede social, o presidente do Stiupb colocou seu contracheque: “Aproveito essa postagem para publicar cópia de meu contracheque referente ao mês de abril de 2017, para esclarecer alguns comentários de quem não conhece a CAGEPA e não e que portanto, faz a critica gratuita e atacam a dignidade das pessoas, sem levar em conta qualquer fundamento”.
Wilton disse mais: “Meu salario é fruto de meu trabalho e o faço com muita responsabilidade, honrando assim cada paraibano e paraibana que usam os serviços da Companhia de Água e Esgotos da Paraíba – CAGEPA.”
Apoiamos a decisão do Tribunal de Contas do Estado, em disponibilizar a listagem de todos os salários dos servidores , empregado e comissionados da Paraíba, por fim, compreendendo que cabe ao TCE averiguar qualquer erro ou abuso que exista na folha de pessoal e que os agentes que cometeram tais erros, caso existam, sejam responsabilizados no rigor da lei.

Seguem alguns links de sites, onde Wilton Maia externou opinião sobre o tema em questão:
http://www.polemicaparaiba.com.br/…/denuncia-um-maraja-da-…/
http://rpscom1.blogspot.com.br/…/sindicalista-diz-que-falta…
http://www.lazarofarias.com.br/…/sindicalista-diz-que-maraj…
http://www.vladimirchaves.com.br/…/sindicalista-diz-que-fal…