Inauguração do Centro Administrativo da Assembleia valoriza Centro Histórico de João Pessoa

centroA inauguração do Centro Administrativo da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) no Paraíba Palace Hotel pelo presidente da Casa, deputado estadual Gervásio Maia (PSB), nesta quarta-feira (9), valoriza a história e preserva a memória cultural de João Pessoa, simbolizando uma homenagem aos 432 anos da capital paraibana.

Considerado um dos prédios mais relevantes do conjunto arquitetônico da cidade, a implantação dos setores administrativos vai revitaliza o Centro Histórico . “Nós estamos entregando um presente para a cidade, já que o Paraíba Palace é um prédio histórico da década de 30, além de se encontrar em um local extremamente importante e que representa muito para o povo de João Pessoa e da Paraíba”, destacou Gervásio Maia.

Ao longo dos anos, o local originalmente chamado de “Parahyba Hotel”, foi idealizado pelo ex-governador da Paraíba, João Pessoa, e passou por várias inaugurações, sendo a primeira em 1933, sob responsabilidade do ex-interventor federal do Estado, Gratuliano Brito, no local onde funcionava a antiga sede do jornal “Correio da Manhã”, dirigido pelo também ex-governador paraibano, Rui Carneiro.

De acordo com o historiador do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico do Estado da Paraíba (Iphaep), Edivaldo Lira, a preservação do prédio é relevante por ser construído no estilo art nouveau que representou o processo de urbanização da capital. “No momento em que o hotel estava sendo construído, João Pessoa estava se adequando às tendências da época, principalmente aos padrões do Rio de Janeiro, São Paulo e de países europeus”, ressaltou.

O historiador Wills Leal destacou que o hotel apresentava o que existia de mais moderno na época, desde elevador e barbearia a restaurante com cardápio internacional. “O hotel se tornou ponto central de reunião dos hóspedes e era frequentado pela elite paraibana, hospedando políticos, atletas e artistas do país entre as décadas de 1930 e 1960″, explicou.

Dentre as personalidades de renome nacional e internacional que se hospedaram no Parahyba Palace Hotel, estão Pelé; o ex-governador de São Paulo, Adhemar de Barros; os cantores Cauby Peixoto, Vicente Celestino, Elizeth Cardoso e Bidu Sayão; a Orquestra Tabajara e os maestros Severino Araújo e Tommy Dorsey.

Para o comerciante Reginaldo Dionísio, dono de uma banca de jornal, a reabertura do hotel também vai incentivar o movimento do comércio local e aproximar a Assembleia da população. “Fico muito feliz com a chegada do Centro Administrativo. A vinda dos setores da Assembleia vai estreitar a relação dos deputados com o povo, além de melhorar as vendas de quem trabalha ao redor do prédio”, afirmou.

Inauguração – A inauguração do Centro Administrativo da Assembleia Legislativa da Paraíba ocorrerá no dia 9 de agosto, às 16 h. O evento terá a participação do coral da Assembleia e de uma apresentação dos alunos do Programa de Inclusão através da Música e das Artes (Prima).

centroA inauguração do Centro Administrativo da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) no Paraíba Palace Hotel pelo presidente da Casa, deputado estadual Gervásio Maia (PSB), nesta quarta-feira (9), valoriza a história e preserva a memória cultural de João Pessoa, simbolizando uma homenagem aos 432 anos da capital paraibana.

Considerado um dos prédios mais relevantes do conjunto arquitetônico da cidade, a implantação dos setores administrativos vai revitaliza o Centro Histórico . “Nós estamos entregando um presente para a cidade, já que o Paraíba Palace é um prédio histórico da década de 30, além de se encontrar em um local extremamente importante e que representa muito para o povo de João Pessoa e da Paraíba”, destacou Gervásio Maia.

Ao longo dos anos, o local originalmente chamado de “Parahyba Hotel”, foi idealizado pelo ex-governador da Paraíba, João Pessoa, e passou por várias inaugurações, sendo a primeira em 1933, sob responsabilidade do ex-interventor federal do Estado, Gratuliano Brito, no local onde funcionava a antiga sede do jornal “Correio da Manhã”, dirigido pelo também ex-governador paraibano, Rui Carneiro.

De acordo com o historiador do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico do Estado da Paraíba (Iphaep), Edivaldo Lira, a preservação do prédio é relevante por ser construído no estilo art nouveau que representou o processo de urbanização da capital. “No momento em que o hotel estava sendo construído, João Pessoa estava se adequando às tendências da época, principalmente aos padrões do Rio de Janeiro, São Paulo e de países europeus”, ressaltou.

O historiador Wills Leal destacou que o hotel apresentava o que existia de mais moderno na época, desde elevador e barbearia a restaurante com cardápio internacional. “O hotel se tornou ponto central de reunião dos hóspedes e era frequentado pela elite paraibana, hospedando políticos, atletas e artistas do país entre as décadas de 1930 e 1960″, explicou.

Dentre as personalidades de renome nacional e internacional que se hospedaram no Parahyba Palace Hotel, estão Pelé; o ex-governador de São Paulo, Adhemar de Barros; os cantores Cauby Peixoto, Vicente Celestino, Elizeth Cardoso e Bidu Sayão; a Orquestra Tabajara e os maestros Severino Araújo e Tommy Dorsey.

Para o comerciante Reginaldo Dionísio, dono de uma banca de jornal, a reabertura do hotel também vai incentivar o movimento do comércio local e aproximar a Assembleia da população. “Fico muito feliz com a chegada do Centro Administrativo. A vinda dos setores da Assembleia vai estreitar a relação dos deputados com o povo, além de melhorar as vendas de quem trabalha ao redor do prédio”, afirmou.

Inauguração – A inauguração do Centro Administrativo da Assembleia Legislativa da Paraíba ocorrerá no dia 9 de agosto, às 16 h. O evento terá a participação do coral da Assembleia e de uma apresentação dos alunos do Programa de Inclusão através da Música e das Artes (Prima).