Ricardo entrega dois mil coletes, 57 motos e comendas no Dia do Patrono da Polícia Militar da Paraíba

O governador Ricardo Coutinho entregou, nesta sexta-feira (18), dois mil coletes balísticos e 57 motos para reforçar o trabalho da Polícia Militar da Paraíba, um investimento de R$ 2,6 milhões. Além disso, o chefe do Executivo Estadual condecorou 50 militares e civis com a comenda alusiva ao Patrono da Polícia Militar da Paraíba, coronel Elísio Sobreira, a mais alta da instituição, e entregou o Espadim Tiradentes, arma que é símbolo dos alunos do Curso de Formação de Oficiais (CFO), para 30 cadetes. Deputados estaduais, auxiliares do Governo e autoridades da área da segurança estiveram presentes na solenidade.
Durante o evento, realizado no Centro de Educação da Polícia Militar, em Mangabeira, Ricardo Coutinho destacou que o Governo do Estado está se esforçando para dar melhores condições de trabalho e o necessário reconhecimento para as forças de segurança. “Somos o único Estado do Brasil que conseguiu reduzir os homicídios por cinco anos consecutivos, mas isso é uma luta cotidiana. Estamos equipando e criando as melhores condições para o trabalho da corporação. Adquirimos hoje 57 motos, daqui há poucas semanas entregaremos mais 100 com recursos próprios, além dos coletes balísticos. Também vamos criar mais um batalhão com sede lá em Esperança, vamos criar uma Área Integrada de Segurança Pública (Aisp) em Campina Grande, ou seja, estamos nos movimentando para fechar o sexto ano, novamente com redução do número de homicídios”, afirmou o governador.
vitrineInterno
O secretário de Segurança e Defesa Social, Cláudio Lima parabenizou a Polícia Militar e ressaltou o esforço que a corporação faz para garantir a segurança da sociedade. “Hoje é uma data simbólica relevante, já que a Polícia Militar busca preservar seus valores. É um dia que merece ser comemorado, lembrando que nos últimos anos a Polícia Militar e a segurança no geral obteve grandes avanços. A missão de todos que fazem esta área é combater diariamente a criminalidade e preservar a vida”, comentou.
Em 2010, a corporação tinha cerca de 800 viaturas, muitas em condições inadequadas para o trabalho dos policiais. Atualmente, são 1.590 novas viaturas, entre carros e motos. A Polícia Militar da Paraíba opera com uma das mais modernas frotas do país.
“Hoje é um dia especial para a nossa corporação, porque recebemos novas motos e coletes e ainda celebramos o dia do Patrono da Polícia Militar da Paraíba. Nossa Polícia aprende e cresce quando analisa seu passado e projeta seu futuro. Os feitos dos profissionais que trabalham pela paz ficam marcados na história da corporação. Parabenizo todos que recebem a comenda do Patrono da Polícia Militar e os cadetes que recebem os Espadins. Vamos caminhando e colhendo bons frutos na busca pela paz social”, disse o comandante geral da Polícia Militar, coronel Euller Chaves.
O cadete Adonias da Fonseca Neto foi o primeiro colocado do concurso do CFO deste ano e recebeu o Espadim Tiradentes das mãos do governador Ricardo Coutinho. “Estou muito feliz e emocionado. Espero que eu consiga desempenhar minha profissão com todo zelo e da forma que a corporação deseja. Certamente me empenharei e farei o meu melhor. Tenho parentes na Polícia Militar e sempre tive vontade de ingressar na corporação. Passar como primeiro colocado foi uma grande satisfação”, disse o cadete.
O secretário de Infraestrutura, Recursos Hídricos, Meio Ambiente, Ciência e Tecnologia, João Azevedo, foi um dos agraciados com a mais alta comenda da Polícia Militar e agradeceu a homenagem. “É uma emoção muito grande porque isso nada mais é que o reconhecimento da Polícia Militar por nossa colaboração no desenvolvimento da Paraíba. Estou muito feliz e agradecido por esta homenagem que me foi concedida”, falou.
Também receberam a comenda do Patrono da Polícia Militar da Paraíba, o presidente do Tribunal de Contas do Estado, André Carlo Torres, o comandante do 1º Grupamento de Engenharia, general de brigada Marcos José Pupin, o procurador da República, José Godoy, a secretária de Finanças e do Empreendedorismo, Amanda Rodrigues, entre outros.
O governador Ricardo Coutinho entregou, nesta sexta-feira (18), dois mil coletes balísticos e 57 motos para reforçar o trabalho da Polícia Militar da Paraíba, um investimento de R$ 2,6 milhões. Além disso, o chefe do Executivo Estadual condecorou 50 militares e civis com a comenda alusiva ao Patrono da Polícia Militar da Paraíba, coronel Elísio Sobreira, a mais alta da instituição, e entregou o Espadim Tiradentes, arma que é símbolo dos alunos do Curso de Formação de Oficiais (CFO), para 30 cadetes. Deputados estaduais, auxiliares do Governo e autoridades da área da segurança estiveram presentes na solenidade.
Durante o evento, realizado no Centro de Educação da Polícia Militar, em Mangabeira, Ricardo Coutinho destacou que o Governo do Estado está se esforçando para dar melhores condições de trabalho e o necessário reconhecimento para as forças de segurança. “Somos o único Estado do Brasil que conseguiu reduzir os homicídios por cinco anos consecutivos, mas isso é uma luta cotidiana. Estamos equipando e criando as melhores condições para o trabalho da corporação. Adquirimos hoje 57 motos, daqui há poucas semanas entregaremos mais 100 com recursos próprios, além dos coletes balísticos. Também vamos criar mais um batalhão com sede lá em Esperança, vamos criar uma Área Integrada de Segurança Pública (Aisp) em Campina Grande, ou seja, estamos nos movimentando para fechar o sexto ano, novamente com redução do número de homicídios”, afirmou o governador.
vitrineInterno
O secretário de Segurança e Defesa Social, Cláudio Lima parabenizou a Polícia Militar e ressaltou o esforço que a corporação faz para garantir a segurança da sociedade. “Hoje é uma data simbólica relevante, já que a Polícia Militar busca preservar seus valores. É um dia que merece ser comemorado, lembrando que nos últimos anos a Polícia Militar e a segurança no geral obteve grandes avanços. A missão de todos que fazem esta área é combater diariamente a criminalidade e preservar a vida”, comentou.
Em 2010, a corporação tinha cerca de 800 viaturas, muitas em condições inadequadas para o trabalho dos policiais. Atualmente, são 1.590 novas viaturas, entre carros e motos. A Polícia Militar da Paraíba opera com uma das mais modernas frotas do país.
“Hoje é um dia especial para a nossa corporação, porque recebemos novas motos e coletes e ainda celebramos o dia do Patrono da Polícia Militar da Paraíba. Nossa Polícia aprende e cresce quando analisa seu passado e projeta seu futuro. Os feitos dos profissionais que trabalham pela paz ficam marcados na história da corporação. Parabenizo todos que recebem a comenda do Patrono da Polícia Militar e os cadetes que recebem os Espadins. Vamos caminhando e colhendo bons frutos na busca pela paz social”, disse o comandante geral da Polícia Militar, coronel Euller Chaves.
O cadete Adonias da Fonseca Neto foi o primeiro colocado do concurso do CFO deste ano e recebeu o Espadim Tiradentes das mãos do governador Ricardo Coutinho. “Estou muito feliz e emocionado. Espero que eu consiga desempenhar minha profissão com todo zelo e da forma que a corporação deseja. Certamente me empenharei e farei o meu melhor. Tenho parentes na Polícia Militar e sempre tive vontade de ingressar na corporação. Passar como primeiro colocado foi uma grande satisfação”, disse o cadete.
O secretário de Infraestrutura, Recursos Hídricos, Meio Ambiente, Ciência e Tecnologia, João Azevedo, foi um dos agraciados com a mais alta comenda da Polícia Militar e agradeceu a homenagem. “É uma emoção muito grande porque isso nada mais é que o reconhecimento da Polícia Militar por nossa colaboração no desenvolvimento da Paraíba. Estou muito feliz e agradecido por esta homenagem que me foi concedida”, falou.
Também receberam a comenda do Patrono da Polícia Militar da Paraíba, o presidente do Tribunal de Contas do Estado, André Carlo Torres, o comandante do 1º Grupamento de Engenharia, general de brigada Marcos José Pupin, o procurador da República, José Godoy, a secretária de Finanças e do Empreendedorismo, Amanda Rodrigues, entre outros.