Brasil vence Equador por 2 a 0 nas Eliminatórias da Copa do Mundo

O Brasil segue com 100% de aproveitamento sob comando de Tite nas Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018. A vítima desta quinta-feira (31) foi o Equador, na Arena do Grêmio, em Porto Alegre. A equipe não apresentou grande futebol, mas conseguiu vencer por 2 a 0, na comemoração de um ano da estreia de Tite no comando da equipe.
Depois de um primeiro tempo bastante truncado e com poucas chances de gol, o Brasil desencantou na etapa final e marcou os dois gols da vitória. Quem tirou o zero do placar foi Paulinho, aos 25 minutos, que vive grande fase como volante-artilheiro na Seleção. Cerca de sete minutos depois foi a vez do público na Arena do Grêmio ver uma pintura. Gabriel Jesus recebeu dentro da área, deu um chapéu em Arboleda, zagueiro do São Paulo, e de cabeça tocou para Coutinho, que marcou o segundo e deu números finais ao jogo.

Principal estrela da Seleção em toda campanha das Eliminatórias, Neymar dessa vez não balançou as redes e ainda apanhou bastante dos equatorianos, que já são conhecidos por chegar mais duro em algumas jogadas.

Com o resultado, o Brasil agora soma 36 pontos e segue na liderança isolada das Eliminatórias, com 11 pontos de vantagem para a vice-líder Colômbia. O Equador permanece com 20 e é apenas o sétimo colocado, ficando de fora da zona de classificação para o Mundial.
O Brasil volta a campo na próxima terça-feira (5) para encarar a Colômbia, em Barranquilla, às 17h45 (horário de Brasília), enquanto que o Equador medirá forças com o Peru, no Olímpico de Atahualpa.
R7

O Brasil segue com 100% de aproveitamento sob comando de Tite nas Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018. A vítima desta quinta-feira (31) foi o Equador, na Arena do Grêmio, em Porto Alegre. A equipe não apresentou grande futebol, mas conseguiu vencer por 2 a 0, na comemoração de um ano da estreia de Tite no comando da equipe.
Depois de um primeiro tempo bastante truncado e com poucas chances de gol, o Brasil desencantou na etapa final e marcou os dois gols da vitória. Quem tirou o zero do placar foi Paulinho, aos 25 minutos, que vive grande fase como volante-artilheiro na Seleção. Cerca de sete minutos depois foi a vez do público na Arena do Grêmio ver uma pintura. Gabriel Jesus recebeu dentro da área, deu um chapéu em Arboleda, zagueiro do São Paulo, e de cabeça tocou para Coutinho, que marcou o segundo e deu números finais ao jogo.

Principal estrela da Seleção em toda campanha das Eliminatórias, Neymar dessa vez não balançou as redes e ainda apanhou bastante dos equatorianos, que já são conhecidos por chegar mais duro em algumas jogadas.

Com o resultado, o Brasil agora soma 36 pontos e segue na liderança isolada das Eliminatórias, com 11 pontos de vantagem para a vice-líder Colômbia. O Equador permanece com 20 e é apenas o sétimo colocado, ficando de fora da zona de classificação para o Mundial.
O Brasil volta a campo na próxima terça-feira (5) para encarar a Colômbia, em Barranquilla, às 17h45 (horário de Brasília), enquanto que o Equador medirá forças com o Peru, no Olímpico de Atahualpa.
R7