Deputados destacam importância Central de Transplante da Paraíba

O presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), Gervásio Maia, participou, nesta terça-feira (24), ao lado do governador Ricardo Coutinho, da inauguração da nova sede da Central de Transplantes da Paraíba, no Hospital de Emergência e Trauma de João Pessoa. Os deputados Hervázio Bezerra, Trócolli Júnior, Nabor Wanderley e João Gonçalves, também estiveram presentes no evento, que contou ainda com a presença da secretária da Saúde, Cláudia Veras.

Na ocasião, o chefe do Poder Legislativo destacou a importância do equipamento para a população paraibana. “Particularmente, fico muito feliz com mais essa conquista, em uma área tão importante da Saúde, que é o transplante”, disse. “É mais uma prova de que o Estado tem caminhado na contramão do restante do país, realizando investimentos muito importantes para todos os paraibanos”, prosseguiu Gervásio Maia.

Já o governador Ricardo Coutinho ressaltou que a nova Central de Transplante da Paraíba dará condições para que o processo no estado seja ainda mais eficiente. “Há várias clínicas privadas e hospitais privados credenciados a realizar transplante, assim como o estado. É necessário que os procedimentos sejam acompanhados em todo o sistema. Para isso, o Governo do Estado está melhorando essa estrutura, com a inauguração dessa nova sede, por exemplo”, explicou.

Para o deputado Hervázio Bezerra, a nova sede da Central de Transplante da Paraíba proporcionará qualidade de vida a pacientes renais crônicos e os que precisam de transplante de córnea, por exemplo. “É um investimento muito importante, já que salvará muitas vidas das pessoas que precisam desses órgãos que precisam ser transplantados”, acrescentou.

O deputado Nabor Wanderley afirmou que, com esse investimento, o Governo do Estado estimula ainda mais a conscientização da população para a importância da doação de órgãos. “Além desse investimento pelo Governo do Estado e dos profissionais que precisam identificar potenciais doadores, é muito importante que a população se conscientize sobre a importância da doação de órgãos. Nesse sentido, creio que o Governo do Estado também contribui para essa conscientização”, disse.

De acordo com o deputado João Gonçalves, o Governo da Paraíba tem realizado investimentos importantes, que devem contar com a conscientização da sociedade. “A questão da doação de órgãos é um mito que precisa ser desfeito, para que a população se engaje ainda mais nessa causa tão importante, de grande solidariedade humana”, frisou.

A secretária da Saúde, Cláudia Veras, explicou que com a nova Central de Transplante da Paraíba haverá uma união das equipes, proporcionando eficácia ao processo. “Essa inauguração representa a possibilidade de trabalhar no mesmo espaço físico tanto a equipe de captação de órgãos como a parte administrativa, que envia os órgãos, por exemplo”, comentou.

Ainda de acordo com a secretária, os investimentos são da ordem de R$ 330 mil. A mudança é uma conquista importante, já que a nova sede vai funcionar no Hospital de Trauma, a maior unidade em doações.

O presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), Gervásio Maia, participou, nesta terça-feira (24), ao lado do governador Ricardo Coutinho, da inauguração da nova sede da Central de Transplantes da Paraíba, no Hospital de Emergência e Trauma de João Pessoa. Os deputados Hervázio Bezerra, Trócolli Júnior, Nabor Wanderley e João Gonçalves, também estiveram presentes no evento, que contou ainda com a presença da secretária da Saúde, Cláudia Veras.

Na ocasião, o chefe do Poder Legislativo destacou a importância do equipamento para a população paraibana. “Particularmente, fico muito feliz com mais essa conquista, em uma área tão importante da Saúde, que é o transplante”, disse. “É mais uma prova de que o Estado tem caminhado na contramão do restante do país, realizando investimentos muito importantes para todos os paraibanos”, prosseguiu Gervásio Maia.

Já o governador Ricardo Coutinho ressaltou que a nova Central de Transplante da Paraíba dará condições para que o processo no estado seja ainda mais eficiente. “Há várias clínicas privadas e hospitais privados credenciados a realizar transplante, assim como o estado. É necessário que os procedimentos sejam acompanhados em todo o sistema. Para isso, o Governo do Estado está melhorando essa estrutura, com a inauguração dessa nova sede, por exemplo”, explicou.

Para o deputado Hervázio Bezerra, a nova sede da Central de Transplante da Paraíba proporcionará qualidade de vida a pacientes renais crônicos e os que precisam de transplante de córnea, por exemplo. “É um investimento muito importante, já que salvará muitas vidas das pessoas que precisam desses órgãos que precisam ser transplantados”, acrescentou.

O deputado Nabor Wanderley afirmou que, com esse investimento, o Governo do Estado estimula ainda mais a conscientização da população para a importância da doação de órgãos. “Além desse investimento pelo Governo do Estado e dos profissionais que precisam identificar potenciais doadores, é muito importante que a população se conscientize sobre a importância da doação de órgãos. Nesse sentido, creio que o Governo do Estado também contribui para essa conscientização”, disse.

De acordo com o deputado João Gonçalves, o Governo da Paraíba tem realizado investimentos importantes, que devem contar com a conscientização da sociedade. “A questão da doação de órgãos é um mito que precisa ser desfeito, para que a população se engaje ainda mais nessa causa tão importante, de grande solidariedade humana”, frisou.

A secretária da Saúde, Cláudia Veras, explicou que com a nova Central de Transplante da Paraíba haverá uma união das equipes, proporcionando eficácia ao processo. “Essa inauguração representa a possibilidade de trabalhar no mesmo espaço físico tanto a equipe de captação de órgãos como a parte administrativa, que envia os órgãos, por exemplo”, comentou.

Ainda de acordo com a secretária, os investimentos são da ordem de R$ 330 mil. A mudança é uma conquista importante, já que a nova sede vai funcionar no Hospital de Trauma, a maior unidade em doações.