Tô inteiro’, diz Temer ao ter alta de hospital

inteiroO presidente Michel Temer deixou, poucos após às 20h desta terça-feira, o Hospital Militar de Área de Brasília (HMAB). Temer estava acompanhado de assessores, seguranças e da esposa, Marcela Temer. Ela foi a única pessoa fora da equipe do peemedebista a encontra-lo durante a tarde. O presidente saiu do local andando e acenou e fez sinal de positivo para os jornalistas.
— Tô inteiro — afirmou.
Temer passou a tarde desta quarta-feira realizando exames devido à uma obstrução na uretra. Ao mesmo tempo, aliados do governo agiam para conseguir o quórum necessário para iniciar a votação da segunda denúncia pelo plenário da Câmara.
O líder do PMDB no Senado, Raimundo Lira (PB), esteve na porta do hospital para uma “visita de cortesia” ao presidente. Entretanto, foi impedido de entrar. O parlamentar foi o primeiro aliado do presidente a chegar no local.
— Acho que é excesso de trabalho, muito cansaço. Ele está dando o máximo para fazer o trabalho dele — avaliou o líder do PMDB.
MSN

inteiroO presidente Michel Temer deixou, poucos após às 20h desta terça-feira, o Hospital Militar de Área de Brasília (HMAB). Temer estava acompanhado de assessores, seguranças e da esposa, Marcela Temer. Ela foi a única pessoa fora da equipe do peemedebista a encontra-lo durante a tarde. O presidente saiu do local andando e acenou e fez sinal de positivo para os jornalistas.
— Tô inteiro — afirmou.
Temer passou a tarde desta quarta-feira realizando exames devido à uma obstrução na uretra. Ao mesmo tempo, aliados do governo agiam para conseguir o quórum necessário para iniciar a votação da segunda denúncia pelo plenário da Câmara.
O líder do PMDB no Senado, Raimundo Lira (PB), esteve na porta do hospital para uma “visita de cortesia” ao presidente. Entretanto, foi impedido de entrar. O parlamentar foi o primeiro aliado do presidente a chegar no local.
— Acho que é excesso de trabalho, muito cansaço. Ele está dando o máximo para fazer o trabalho dele — avaliou o líder do PMDB.
MSN