Dia do Servidor é celebrado com apresentação musical de funcionários da Assembleia

Em comemoração ao Dia do Servidor, celebrado no dia 28 de outubro, a Divisão de Cultura da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) e a Associação Promocional do Poder Legislativo (APPL) realizaram, nesta quinta-feira (26), o show “Enquanto o Coração Aguentar”. O evento musical teve início às 10h, no auditório da Assembléia, contando com a apresentação da Banda da Casa e mais sete cantoras.

Dando início ao evento, o presidente da Assembleia, deputado Gervásio Maia, parabenizou os funcionários e reafirmou a sua preocupação em valorizar os servidores da casa, melhorando as suas condições de trabalho e otimizando os serviços oferecidos. “A gestão tem buscado realizar um trabalho direcionado para a valorização dos servidores, nós estamos de saída e os servidores ficarão. A concepção do Centro Administrativo no Paraíba Palace foi exatamente com o intuito de permitir que os servidores tenham um ambiente de trabalho mais confortável e dinâmico. Também estamos para publicar o edital de licitação do novo centro médico, é inadmissível que o Centro médico seja longe, em Jaguaribe. Nós precisamos de um centro médico novo, moderno e aqui ao lado da Assembléia”, declarou.

A presidente da APPL, Manuela Maia, mostrou-se feliz e gratificada em colaborar para a homenagem. “Nós que fazemos a APPL ficamos extremamente felizes em poder contribuir para a realização desse evento. Os servidores de Assembleia Legislativa merecem todas as homenagens, por tanto, empenho e dedicação”, comentou.

De acordo com a diretora de Divisão de Cultura da Assembleia, Samara Longo, todos que se apresentaram são servidores da ALPB que se prepararam para o evento. “O evento em homenagem ao dia do servidor é um show com os funcionários da casa, é tudo feito com muito carinho, eles se prepararam para isso, e eu espero contar com a presença de todos os servidores para prestigiá-los”, afirmou Samara.

A Banda da casa é formada por seis funcionários, Clóvis Alencar (saxofone), Jerônimo Florentino (violão), Petronio Souza (cavaquinho), Ricardo Brito (teclado), Lula do Pandeiro (pandeiro), Ronaldo Henriques (percussão). Cantaram no evento as servidoras, Ariadne de Lima, Cássia Limeira, Helaine Cristine, Marta Rosa, Marta Sabino, Nilza Mendes e Soraya Longo.

Segundo a psicóloga e cantora, Cássia Limeira, esse encontro é um momento de muita satisfação para os artistas. “A gente tem esse grupo formado a muito tempo, são todos servidores da casa que se reúnem para cantar, que para mim é a melhor coisa do mundo”, explicou.

O auditório estava lotado e em um clima de muita descontração. A Recepcionista do Palace, Marluce de Paula, declarou estar grata pela homenagem. “É gratificante essa atenção que a casa tem com os servidores, é uma homenagem muito digna e que merecemos. Estou muito grata por este momento de alegria com essa apresentação maravilhosa das cantoras”, disse.

Dia do Servidor – A data foi instituída durante o Governo do presidente Getúlio Vargas, por meio da criação do Conselho Federal do Serviço Público Civil, em 1937.

Em comemoração ao Dia do Servidor, celebrado no dia 28 de outubro, a Divisão de Cultura da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) e a Associação Promocional do Poder Legislativo (APPL) realizaram, nesta quinta-feira (26), o show “Enquanto o Coração Aguentar”. O evento musical teve início às 10h, no auditório da Assembléia, contando com a apresentação da Banda da Casa e mais sete cantoras.

Dando início ao evento, o presidente da Assembleia, deputado Gervásio Maia, parabenizou os funcionários e reafirmou a sua preocupação em valorizar os servidores da casa, melhorando as suas condições de trabalho e otimizando os serviços oferecidos. “A gestão tem buscado realizar um trabalho direcionado para a valorização dos servidores, nós estamos de saída e os servidores ficarão. A concepção do Centro Administrativo no Paraíba Palace foi exatamente com o intuito de permitir que os servidores tenham um ambiente de trabalho mais confortável e dinâmico. Também estamos para publicar o edital de licitação do novo centro médico, é inadmissível que o Centro médico seja longe, em Jaguaribe. Nós precisamos de um centro médico novo, moderno e aqui ao lado da Assembléia”, declarou.

A presidente da APPL, Manuela Maia, mostrou-se feliz e gratificada em colaborar para a homenagem. “Nós que fazemos a APPL ficamos extremamente felizes em poder contribuir para a realização desse evento. Os servidores de Assembleia Legislativa merecem todas as homenagens, por tanto, empenho e dedicação”, comentou.

De acordo com a diretora de Divisão de Cultura da Assembleia, Samara Longo, todos que se apresentaram são servidores da ALPB que se prepararam para o evento. “O evento em homenagem ao dia do servidor é um show com os funcionários da casa, é tudo feito com muito carinho, eles se prepararam para isso, e eu espero contar com a presença de todos os servidores para prestigiá-los”, afirmou Samara.

A Banda da casa é formada por seis funcionários, Clóvis Alencar (saxofone), Jerônimo Florentino (violão), Petronio Souza (cavaquinho), Ricardo Brito (teclado), Lula do Pandeiro (pandeiro), Ronaldo Henriques (percussão). Cantaram no evento as servidoras, Ariadne de Lima, Cássia Limeira, Helaine Cristine, Marta Rosa, Marta Sabino, Nilza Mendes e Soraya Longo.

Segundo a psicóloga e cantora, Cássia Limeira, esse encontro é um momento de muita satisfação para os artistas. “A gente tem esse grupo formado a muito tempo, são todos servidores da casa que se reúnem para cantar, que para mim é a melhor coisa do mundo”, explicou.

O auditório estava lotado e em um clima de muita descontração. A Recepcionista do Palace, Marluce de Paula, declarou estar grata pela homenagem. “É gratificante essa atenção que a casa tem com os servidores, é uma homenagem muito digna e que merecemos. Estou muito grata por este momento de alegria com essa apresentação maravilhosa das cantoras”, disse.

Dia do Servidor – A data foi instituída durante o Governo do presidente Getúlio Vargas, por meio da criação do Conselho Federal do Serviço Público Civil, em 1937.