Historiador Luiz Nunes lançará em Campina Grande livro em homenagem ao ex-presidente Juscelino Kubitschek

JKNo próximo dia 07 de novembro, data que marcará os 59 anos da última visita do ex-presidente Juscelino Kubitschek a Campina Grande, o historiador, poeta popular e conselheiro aposentado do Tribunal de Contas do Estado da Paraíba, Luiz Nunes Alves estará lançando uma obra em homenagem ao ex-presidente que esteve à frente do comando do Brasil entre 1956 e 1961. O Livro “Juscelino – Vida e Obra em Verso” será lançado, às 17h30 no Museu de Arte Popular da Paraíba, o Museu dos Três Pandeiros, localizado às margens do Açude Velho.

O livro é um trabalho volumoso, com 480 páginas, editado pela “Ideia/Forma”, lançado em 2013. A obra tem nota de capa (orelha) do escritor e poeta Bráulio Tavares, que revela na identidade de dois autores o mesmo ser. Luiz Nunes Alves e Severino Sertanejo são dois seres que habitam um mesmo corpo físico, com a mesma naturalidade de quem sempre soube quem é e não precisa teorizar sobre si mesmo. “E juntos produzem uma obra de cordel extensa, caudalosa, com folhetos que transbordam o formato de folheto para se expandir em livros maciços cobertos por um folharal de estrofes”.

No prefácio, o acadêmico Murilo Melo Filho, da ABL, enfatiza a “exuberante exibição de rimas e de versos reunidos pelo talento de um inspirado poeta, que faz um jogo de palavras ajustadas à sua competência de admirável versejador, debruçado sobre a vida e a obra de um dos maiores estadistas brasileiros de todos os tempos”.

O imortal da Academia Paraibana de Letras – APL, Juarez Farias conceitua o autor como um historiador autêntico e homem social irrepreensível, dedicado na leitura de vasta bibliografia do ex-presidente. Do mesmo modo, fechando o leque de prefácios, na veia do poeta Ronaldo Cunha Lima, aparece “Juscelino nos Versos de Luiz Nunes.”

O livro é de sequência singular! Os versos vários revivendo a vida de Juscelino, ideia concebida pelo poeta, dessa história a par. Pois Luiz Nunes, sábio no contar fatos e feitos e cantiga franca, esquadrinha o passado e dele arranca desde os mais nobres aos pequenos causos. Prazeroso, dirijo os meus aplausos ao profícuo Poeta de Água Branca”, disse o poeta.”

Sobre o Autor
Luiz Nunes Alves nasceu no município de Água Branca, filho de Antônio Alves da Silva e D. Marta Nunes de Souza, fez o curso primário no Grupo Escolar José Nominando, na sua terra natal, o Ginasial, no Colégio Nossa Senhora do Bom Conselho, em Princesa Isabel, e o secundário, no Liceu Paraibano. Formado em Direito pela Universidade Federal da Paraíba – UFPB. Em março de 1971, foi empossado no cargo de Conselheiro do Tribunal de Contas do Estado. É professor de Ciências das Finanças e de Direito Financeiro da UFPB, e da UNIPÊ. Amante das letras escolheu a literatura de cordel como área de estudo, à qual dedica o seu tempo, pesquisando e produzindo trabalhos com muita criatividade e segurança, usando sempre o pseudônimo de Severino Sertanejo. Seus livros têm grande aceitação entre os apreciadores e estudiosos do cordel, tendo recebido elogios de personalidades consagradas no meio intelectual nacional, a exemplo de José Américo de Almeida, Orígenes Lessa, Carlos Drumond de Andrade, Câmara Cascudo, D. José Maria Pires e o jurista Limongi França, de São Paulo, entre outros nomes. É autor dos seguintes livros: História da Paraíba em verso, prefácio do professor Pedro Nicodemus, editada dentro das comemorações do IV Centenário da Fundação da Paraíba; A vida de Delmiro Gouveia em verso, prefácio do professor Átila de Almeida; Inácio da Catingueira, o gênio escravo, prefácio do médico e poeta Firmino Leite; Copa 94, IPÊ; Coisas da minha sala, e Juscelino – Vida e Obra em Verso, publicado pela Editora Ideia.

SERVIÇO – LANÇAMENTO DO LIVRO JUSCELINO VIDA E OBRA EM VERSO
QUANDO: DIA 07 DE NOVEMBRO
HORÁRIO: ÀS 17H30
LOCAL: MUSEU DE ARTE POPULAR DA PARAÍBA (MUSEU DOS TRÊS PANDEIROS), EM CAMPINA GRANDE.
CONTATO ASSESSORIA DE IMPRENSA
DIEGO ARAÚJO – 99649-7668.

JKNo próximo dia 07 de novembro, data que marcará os 59 anos da última visita do ex-presidente Juscelino Kubitschek a Campina Grande, o historiador, poeta popular e conselheiro aposentado do Tribunal de Contas do Estado da Paraíba, Luiz Nunes Alves estará lançando uma obra em homenagem ao ex-presidente que esteve à frente do comando do Brasil entre 1956 e 1961. O Livro “Juscelino – Vida e Obra em Verso” será lançado, às 17h30 no Museu de Arte Popular da Paraíba, o Museu dos Três Pandeiros, localizado às margens do Açude Velho.

O livro é um trabalho volumoso, com 480 páginas, editado pela “Ideia/Forma”, lançado em 2013. A obra tem nota de capa (orelha) do escritor e poeta Bráulio Tavares, que revela na identidade de dois autores o mesmo ser. Luiz Nunes Alves e Severino Sertanejo são dois seres que habitam um mesmo corpo físico, com a mesma naturalidade de quem sempre soube quem é e não precisa teorizar sobre si mesmo. “E juntos produzem uma obra de cordel extensa, caudalosa, com folhetos que transbordam o formato de folheto para se expandir em livros maciços cobertos por um folharal de estrofes”.

No prefácio, o acadêmico Murilo Melo Filho, da ABL, enfatiza a “exuberante exibição de rimas e de versos reunidos pelo talento de um inspirado poeta, que faz um jogo de palavras ajustadas à sua competência de admirável versejador, debruçado sobre a vida e a obra de um dos maiores estadistas brasileiros de todos os tempos”.

O imortal da Academia Paraibana de Letras – APL, Juarez Farias conceitua o autor como um historiador autêntico e homem social irrepreensível, dedicado na leitura de vasta bibliografia do ex-presidente. Do mesmo modo, fechando o leque de prefácios, na veia do poeta Ronaldo Cunha Lima, aparece “Juscelino nos Versos de Luiz Nunes.”

O livro é de sequência singular! Os versos vários revivendo a vida de Juscelino, ideia concebida pelo poeta, dessa história a par. Pois Luiz Nunes, sábio no contar fatos e feitos e cantiga franca, esquadrinha o passado e dele arranca desde os mais nobres aos pequenos causos. Prazeroso, dirijo os meus aplausos ao profícuo Poeta de Água Branca”, disse o poeta.”

Sobre o Autor
Luiz Nunes Alves nasceu no município de Água Branca, filho de Antônio Alves da Silva e D. Marta Nunes de Souza, fez o curso primário no Grupo Escolar José Nominando, na sua terra natal, o Ginasial, no Colégio Nossa Senhora do Bom Conselho, em Princesa Isabel, e o secundário, no Liceu Paraibano. Formado em Direito pela Universidade Federal da Paraíba – UFPB. Em março de 1971, foi empossado no cargo de Conselheiro do Tribunal de Contas do Estado. É professor de Ciências das Finanças e de Direito Financeiro da UFPB, e da UNIPÊ. Amante das letras escolheu a literatura de cordel como área de estudo, à qual dedica o seu tempo, pesquisando e produzindo trabalhos com muita criatividade e segurança, usando sempre o pseudônimo de Severino Sertanejo. Seus livros têm grande aceitação entre os apreciadores e estudiosos do cordel, tendo recebido elogios de personalidades consagradas no meio intelectual nacional, a exemplo de José Américo de Almeida, Orígenes Lessa, Carlos Drumond de Andrade, Câmara Cascudo, D. José Maria Pires e o jurista Limongi França, de São Paulo, entre outros nomes. É autor dos seguintes livros: História da Paraíba em verso, prefácio do professor Pedro Nicodemus, editada dentro das comemorações do IV Centenário da Fundação da Paraíba; A vida de Delmiro Gouveia em verso, prefácio do professor Átila de Almeida; Inácio da Catingueira, o gênio escravo, prefácio do médico e poeta Firmino Leite; Copa 94, IPÊ; Coisas da minha sala, e Juscelino – Vida e Obra em Verso, publicado pela Editora Ideia.

SERVIÇO – LANÇAMENTO DO LIVRO JUSCELINO VIDA E OBRA EM VERSO
QUANDO: DIA 07 DE NOVEMBRO
HORÁRIO: ÀS 17H30
LOCAL: MUSEU DE ARTE POPULAR DA PARAÍBA (MUSEU DOS TRÊS PANDEIROS), EM CAMPINA GRANDE.
CONTATO ASSESSORIA DE IMPRENSA
DIEGO ARAÚJO – 99649-7668.