Procase participa de audiência pública na ALPB sobre o uso e gestão das águas do Rio São Francisco

aristeuALO coordenador do Projeto de Desenvolvimento Sustentável do Cariri, Seridó e Curimataú (Procase), Aristeu Chaves, esteve nesta quarta-feira (13) na Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) participando da audiência pública de consolidação do Circuito das Águas, projeto que percorreu nove municípios do Cariri Paraibano para discutir com a população o uso e a gestão das águas da Transposição do São Francisco.
A audiência foi presidida pela deputada estadual Estela Bezerra, e teve como objetivo prestar conta das audiências itinerantes propostas por seu mandato, nas quais o Procase esteve presente, auxiliando no esclarecimento das dúvidas dos agricultores e ribeirinhos em relação ao uso das águas, juntamente a outros representantes de órgãos do Governo do Estado da Paraíba.
O público alvo dessas audiências itinerantes, foram os pequenos agricultores e produtores locais, e o fruto das discussões realizadas deve ser consolidado em documento, que servirá de orientação para potencializar a cadeia produtiva nas regiões abastecidas pelas águas do Rio São Francisco, buscando aproveitar da melhor forma a oferta hídrica disponível.
O Projeto de Integração do Rio São Francisco é a maior obra de infraestrutura hídrica do Brasil, contemplando os estados de Pernambuco, Paraíba, Ceará e Rio Grande do Norte, atendendo a uma população de cerca de 12 milhões de habitantes, em 390 municípios.
aristeuAL2De acordo com uma resolução da Agência Nacional das Águas – ANA, o Sistema Hídrico Rio Paraíba-Boqueirão permite o uso da água somente para consumo humano, para matar a sede de animais e para atividades de subsistência, como a agricultura familiar. Aproximadamente 1.000 propriedades no rio Paraíba e no reservatório Boqueirão serão beneficiadas.
O Procase é fruto da parceria entre o Governo do Estado da Paraíba e o Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola (FIDA), organismo das Nações Unidas (ONU), beneficiando 56 municípios do semiárido paraibano, e visa fortalecer a agricultura familiar e contribuir para o desenvolvimento rural sustentável, reduzindo os níveis de pobreza rural e fortalecendo ações de prevenção e mitigação da desertificação.

Assessoria de Comunicação
Jornalista responsável: Samantha Pimentel
samantha.pimentel@procase.pb.gov.br
https://www.procase.pb.gov.br/ | facebook.com/procasepb

aristeuALO coordenador do Projeto de Desenvolvimento Sustentável do Cariri, Seridó e Curimataú (Procase), Aristeu Chaves, esteve nesta quarta-feira (13) na Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) participando da audiência pública de consolidação do Circuito das Águas, projeto que percorreu nove municípios do Cariri Paraibano para discutir com a população o uso e a gestão das águas da Transposição do São Francisco.
A audiência foi presidida pela deputada estadual Estela Bezerra, e teve como objetivo prestar conta das audiências itinerantes propostas por seu mandato, nas quais o Procase esteve presente, auxiliando no esclarecimento das dúvidas dos agricultores e ribeirinhos em relação ao uso das águas, juntamente a outros representantes de órgãos do Governo do Estado da Paraíba.
O público alvo dessas audiências itinerantes, foram os pequenos agricultores e produtores locais, e o fruto das discussões realizadas deve ser consolidado em documento, que servirá de orientação para potencializar a cadeia produtiva nas regiões abastecidas pelas águas do Rio São Francisco, buscando aproveitar da melhor forma a oferta hídrica disponível.
O Projeto de Integração do Rio São Francisco é a maior obra de infraestrutura hídrica do Brasil, contemplando os estados de Pernambuco, Paraíba, Ceará e Rio Grande do Norte, atendendo a uma população de cerca de 12 milhões de habitantes, em 390 municípios.
aristeuAL2De acordo com uma resolução da Agência Nacional das Águas – ANA, o Sistema Hídrico Rio Paraíba-Boqueirão permite o uso da água somente para consumo humano, para matar a sede de animais e para atividades de subsistência, como a agricultura familiar. Aproximadamente 1.000 propriedades no rio Paraíba e no reservatório Boqueirão serão beneficiadas.
O Procase é fruto da parceria entre o Governo do Estado da Paraíba e o Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola (FIDA), organismo das Nações Unidas (ONU), beneficiando 56 municípios do semiárido paraibano, e visa fortalecer a agricultura familiar e contribuir para o desenvolvimento rural sustentável, reduzindo os níveis de pobreza rural e fortalecendo ações de prevenção e mitigação da desertificação.

Assessoria de Comunicação
Jornalista responsável: Samantha Pimentel
samantha.pimentel@procase.pb.gov.br
https://www.procase.pb.gov.br/ | facebook.com/procasepb