Corpos de paraibanos mortos em acidente na BR-251 em Minas Gerais chegam à PB

corposPBChegaram à Paraíba na noite desta terça-feira (16) os corpos dos 10 paraibanos mortos no acidente ocorrido no sábado (13) na BR-251, em Minas Gerais. A previsão de chegada era às 10h (horário local), mas um dos cinco veículos funerários apresentou um problema mecânico na cidade de Feira de Santana, na Bahia, e atrasou a chegada das vítimas mortas no acidente.
O comboio saiu antes do meio-dia desta segunda-feira (15) de Montes Claros (MG). A viagem da cidade mineira até Catolé do Rocha, no Sertão paraibano, é de aproximadamente 1.760 quilômetros, dura cerca de 24 horas sem paradas, sendo a maior parte do trecho pela rodovia BR-116. Sete vítimas devem ser enterradas em Catolé do Rocha, duas na cidade de Brejo dos Santos e uma em Riacho dos Cavalos.
Os corpos chegaram em Catolé do Rocha aproximadamente às 20h45 (horário local) e oito foram levados para a Igreja Matriz, onde está programada a realização de uma missa de corpo presente. Depois os velórios acontecerão separadamente nas casas dos familiares e em seguida vão ser sepultados no Cemitério Local.
Os outros dois corpos, dos paraibanos residentes na cidade de Brejo dos Santos, seguiram viagem para a cidade de destino. A prefeitura de Catolé do Rocha informou que vai decretar ponto facultativo. O G1 entrou em contato com as prefeituras das outras duas cidades mas ainda não obteve resposta.

Veja o nome dos paraibanos mortos
Confirmados pela Prefeitura de Catolé do Rocha
• Elizângela Oliveira Fernandes, 43 anos
• Luzanira Oliveira Fernandes, 22 anos (filha de Elizângela)
• Sandemar Pereira da Silva Filho, 7 anos (filho de Elizângela)
• Luzia da Silva Mendonça, 76 anos
• Kaliandro da Silva Oliveira, 40 anos (motorista que conduzia a van)
• Simone Sousa, 41 anos

Confirmados pela Prefeitura de Riacho dos Cavalos
• Diomira Rita de Lima, de 55 anos
• Jaislan de Lima Nogueira, de 21 anos (sobrinho de Diomira)

Confirmados pela Prefeitura de Brejo dos Santos
• Maria Das Neves Pereira da Silva, 67 anos
• Francisco das Chagas de Sousa Oliveira, 37 anos

O acidente
Segundo a Polícia Rodoviária Federal, o motorista do caminhão, que transportava outro caminhão no sentido Montes Claros (MG), perdeu o controle do veículo e invadiu a pista contrária.
Ele bateu em um ônibus que seguia em direção a Salinas. Uma van tentou desviar da colisão e acabou atingida por uma carreta. A van saiu da pista e tombou.
O caminhão que começou o acidente continuou desgovernado e bateu em outra carreta, que transportava papel. Essa carreta saiu da pista e pegou fogo.
Ainda sem controle, o caminhão bateu em outro ônibus. O caminhão transportado como carga no veículo desgovernado caiu em cima desse ônibus.

G1PB

corposPBChegaram à Paraíba na noite desta terça-feira (16) os corpos dos 10 paraibanos mortos no acidente ocorrido no sábado (13) na BR-251, em Minas Gerais. A previsão de chegada era às 10h (horário local), mas um dos cinco veículos funerários apresentou um problema mecânico na cidade de Feira de Santana, na Bahia, e atrasou a chegada das vítimas mortas no acidente.
O comboio saiu antes do meio-dia desta segunda-feira (15) de Montes Claros (MG). A viagem da cidade mineira até Catolé do Rocha, no Sertão paraibano, é de aproximadamente 1.760 quilômetros, dura cerca de 24 horas sem paradas, sendo a maior parte do trecho pela rodovia BR-116. Sete vítimas devem ser enterradas em Catolé do Rocha, duas na cidade de Brejo dos Santos e uma em Riacho dos Cavalos.
Os corpos chegaram em Catolé do Rocha aproximadamente às 20h45 (horário local) e oito foram levados para a Igreja Matriz, onde está programada a realização de uma missa de corpo presente. Depois os velórios acontecerão separadamente nas casas dos familiares e em seguida vão ser sepultados no Cemitério Local.
Os outros dois corpos, dos paraibanos residentes na cidade de Brejo dos Santos, seguiram viagem para a cidade de destino. A prefeitura de Catolé do Rocha informou que vai decretar ponto facultativo. O G1 entrou em contato com as prefeituras das outras duas cidades mas ainda não obteve resposta.

Veja o nome dos paraibanos mortos
Confirmados pela Prefeitura de Catolé do Rocha
• Elizângela Oliveira Fernandes, 43 anos
• Luzanira Oliveira Fernandes, 22 anos (filha de Elizângela)
• Sandemar Pereira da Silva Filho, 7 anos (filho de Elizângela)
• Luzia da Silva Mendonça, 76 anos
• Kaliandro da Silva Oliveira, 40 anos (motorista que conduzia a van)
• Simone Sousa, 41 anos

Confirmados pela Prefeitura de Riacho dos Cavalos
• Diomira Rita de Lima, de 55 anos
• Jaislan de Lima Nogueira, de 21 anos (sobrinho de Diomira)

Confirmados pela Prefeitura de Brejo dos Santos
• Maria Das Neves Pereira da Silva, 67 anos
• Francisco das Chagas de Sousa Oliveira, 37 anos

O acidente
Segundo a Polícia Rodoviária Federal, o motorista do caminhão, que transportava outro caminhão no sentido Montes Claros (MG), perdeu o controle do veículo e invadiu a pista contrária.
Ele bateu em um ônibus que seguia em direção a Salinas. Uma van tentou desviar da colisão e acabou atingida por uma carreta. A van saiu da pista e tombou.
O caminhão que começou o acidente continuou desgovernado e bateu em outra carreta, que transportava papel. Essa carreta saiu da pista e pegou fogo.
Ainda sem controle, o caminhão bateu em outro ônibus. O caminhão transportado como carga no veículo desgovernado caiu em cima desse ônibus.

G1PB