Suspeito de assassinatos é preso em velório em CG

Policiais da Delegacia de Homicídios em Campina Grande prenderam um dos foragidos mais procurados da cidade. Edivaldo Farias de Lima, de 20 anos, foi preso na sexta-feira (26), quando acompanhava um velório na zona leste.
Ele portava um revólver calibre 38 no momento em que foi detido. Conforme a polícia, ele é autor de vários homicídios e crimes patrimoniais na cidade. Contra ele pesavam dois mandados de prisão por roubos e furtos.
Ao ser detido ele confessou ter praticado um homicídio no mês de julho. A ele também é atribuída a autoria de um duplo homicídio, em 2015.
“Ele seria ainda autor confesso de um duplo homicídio ocorrido no dia 10/05/2015, quando era menor de idade. As vítimas foram José Francisco e João da Silva que foram mortas a tiros dentro de um bar no bairro José Pinheiro”, revelou a delegada Ellen Maria.
MaisPB

Policiais da Delegacia de Homicídios em Campina Grande prenderam um dos foragidos mais procurados da cidade. Edivaldo Farias de Lima, de 20 anos, foi preso na sexta-feira (26), quando acompanhava um velório na zona leste.
Ele portava um revólver calibre 38 no momento em que foi detido. Conforme a polícia, ele é autor de vários homicídios e crimes patrimoniais na cidade. Contra ele pesavam dois mandados de prisão por roubos e furtos.
Ao ser detido ele confessou ter praticado um homicídio no mês de julho. A ele também é atribuída a autoria de um duplo homicídio, em 2015.
“Ele seria ainda autor confesso de um duplo homicídio ocorrido no dia 10/05/2015, quando era menor de idade. As vítimas foram José Francisco e João da Silva que foram mortas a tiros dentro de um bar no bairro José Pinheiro”, revelou a delegada Ellen Maria.
MaisPB