Chapecoense perde para Nacional e é eliminada da Copa Libertadores

Nacional e Chapecoense resolveram em campo as últimas polêmicas fora dele. Com a bola rolando, os uruguaios levaram a melhor e venceram os brasileiros novamente por 1 a 0, na noite dessa quarta-feira (7), no Parque Central, pela segunda rodada da pré-Libertadores.
Na terceira fase, a última antes da fase de grupos, o Nacional enfrenta o Banfield-ARG. A partida deve acontecer na próxima quarta-feira (14). A Conmebol ainda não confirmou as datas dos confrontos.
A torcida do Nacional exibiu uma faixa com o pedido de desculpas pelo comportamento de dois torcedores, na Arena Condá. Os dois rapazes foram vistos nas arquibancadas imitando um avião, em clara referência ao trágico acidente da Chapecoense. Os uruguaios excluíram os dois integrantes da torcida organizada, mas os brasileiros ainda querem a eliminação do adversário.
Os planos da equipe catarinense ficaram mais difíceis logo aos 5 minutos. Na primeira chance dos donos da casa, Romero chutou para o gol e contou com desvio no pé de Douglas. Jandrei não pôde fazer nada. A equipe visitante ainda tentou reagir, mas faltou maior poderio ofensivo para reverter o resultado combinado.

Vasco x Universidad de Concepción
Em São Januário, o Vasco teve a situação muito mais tranquila. Depois da vitória por 4 a 0 no Chile, o time brasileiro entrou relaxado e, mesmo assim, venceu o Universidad de Concepción por 2 a 0.
Logo aos 5 minutos, Paulinho completou cruzamento para abrir o placar. Aos 41, Yago Pickachu começou a jogada e apareceu para finalizar ainda na primeira etapa. Erazo e De la Fuente deixaram suas equipes com 10 jogadores em campo.
O Vasco encara na terceira fase o vencedor do confronto boliviano entre Oriente Petrolero e Jorge Wilstermann – as duas equipes se enfrentam nesta quinta, na casa do Jorge Wilstermann, em Cochabamba.
Portalcorreio

Nacional e Chapecoense resolveram em campo as últimas polêmicas fora dele. Com a bola rolando, os uruguaios levaram a melhor e venceram os brasileiros novamente por 1 a 0, na noite dessa quarta-feira (7), no Parque Central, pela segunda rodada da pré-Libertadores.
Na terceira fase, a última antes da fase de grupos, o Nacional enfrenta o Banfield-ARG. A partida deve acontecer na próxima quarta-feira (14). A Conmebol ainda não confirmou as datas dos confrontos.
A torcida do Nacional exibiu uma faixa com o pedido de desculpas pelo comportamento de dois torcedores, na Arena Condá. Os dois rapazes foram vistos nas arquibancadas imitando um avião, em clara referência ao trágico acidente da Chapecoense. Os uruguaios excluíram os dois integrantes da torcida organizada, mas os brasileiros ainda querem a eliminação do adversário.
Os planos da equipe catarinense ficaram mais difíceis logo aos 5 minutos. Na primeira chance dos donos da casa, Romero chutou para o gol e contou com desvio no pé de Douglas. Jandrei não pôde fazer nada. A equipe visitante ainda tentou reagir, mas faltou maior poderio ofensivo para reverter o resultado combinado.

Vasco x Universidad de Concepción
Em São Januário, o Vasco teve a situação muito mais tranquila. Depois da vitória por 4 a 0 no Chile, o time brasileiro entrou relaxado e, mesmo assim, venceu o Universidad de Concepción por 2 a 0.
Logo aos 5 minutos, Paulinho completou cruzamento para abrir o placar. Aos 41, Yago Pickachu começou a jogada e apareceu para finalizar ainda na primeira etapa. Erazo e De la Fuente deixaram suas equipes com 10 jogadores em campo.
O Vasco encara na terceira fase o vencedor do confronto boliviano entre Oriente Petrolero e Jorge Wilstermann – as duas equipes se enfrentam nesta quinta, na casa do Jorge Wilstermann, em Cochabamba.
Portalcorreio