Sintab adere a movimento nacional contra a Reforma da Previdência nesta segunda

O Sindicato dos Trabalhadores Públicos Municipais do Agreste e da Borborema (Sintab) irá aderir ao movimento nacional da próxima segunda-feira, 19, contra a votação e provável aprovação iminente da Reforma da Previdência. A concentração em Campina Grande será no Calçadão da Cardoso Vieira, a partir das 9h.

De acordo com o secretário de Política e Formação Sindical do Sintab, Franklyn Barbosa, diversas outras instituições, sindicatos e organizações sociais participarão da manifestação, que terá discursos e apresentações culturais. “Deveremos organizar um carnaval fora de época, com o bloco ‘Xô Reforma da Previdência’, com uma banda arrastando a população para juntos dizermos não à Reforma”, detalhou.

Para o coordenador de comunicação do Sindicato, Napoleão Maracajá, da forma como está sendo proposta, a Reforma é criminosa. “O problema da Previdência são as concessões que o Governo faz ao capital e essa conta não pode ser atribuída aos trabalhadores. Todos os parlamentares que votarem contra o povo, ou seja, a favor da Reforma da Previdência, terão seus nomes lembrados pelo Sintab até o dia das eleições”, disse.

O Sintab encaminhou ofício às prefeituras e secretarias municipais de sua base comunicando da adesão da entidade ao movimento, para que todos os servidores tenham direito de participar, portanto, todas as categorias estão convocadas para as atividades deste dia 19.
Fernanda Moura
Agência A2 Comunicação
Assessoria de Imprensa – DRT: 2884 -PB

O Sindicato dos Trabalhadores Públicos Municipais do Agreste e da Borborema (Sintab) irá aderir ao movimento nacional da próxima segunda-feira, 19, contra a votação e provável aprovação iminente da Reforma da Previdência. A concentração em Campina Grande será no Calçadão da Cardoso Vieira, a partir das 9h.

De acordo com o secretário de Política e Formação Sindical do Sintab, Franklyn Barbosa, diversas outras instituições, sindicatos e organizações sociais participarão da manifestação, que terá discursos e apresentações culturais. “Deveremos organizar um carnaval fora de época, com o bloco ‘Xô Reforma da Previdência’, com uma banda arrastando a população para juntos dizermos não à Reforma”, detalhou.

Para o coordenador de comunicação do Sindicato, Napoleão Maracajá, da forma como está sendo proposta, a Reforma é criminosa. “O problema da Previdência são as concessões que o Governo faz ao capital e essa conta não pode ser atribuída aos trabalhadores. Todos os parlamentares que votarem contra o povo, ou seja, a favor da Reforma da Previdência, terão seus nomes lembrados pelo Sintab até o dia das eleições”, disse.

O Sintab encaminhou ofício às prefeituras e secretarias municipais de sua base comunicando da adesão da entidade ao movimento, para que todos os servidores tenham direito de participar, portanto, todas as categorias estão convocadas para as atividades deste dia 19.
Fernanda Moura
Agência A2 Comunicação
Assessoria de Imprensa – DRT: 2884 -PB