Manifestantes acendem velas em homenagem a Marielle Franco e ao motorista Anderson Gomes

velasManifestantes fizeram nesta segunda-feira (2), uma homenagem à vereadora Marielle Franco (PSOL) e ao motorista Anderson Gomes, assassinados no dia 14 de março. Velas foram colocadas nas escadarias da Câmara Municipal e do prédio da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro. Ambos os edifícios são localizados no Centro do Rio.
O ato “Luzes para Marielle e Anderson” aconteceu ainda em outras cidades do Brasil, de acordo com os organizadores.
O evento ‘Rio Contra o Fascismo’, no Circo Voador, Centro do Rio, reuniu políticos e artistas. Subiram ao palco o ex-ministro das Relações Exteriores Celso Amorim, a deputada estadual Manuela D’Avilla (PCdoB-RS), Chico Buarque, deputado estadual Marcelo Freixo (PSOL-RJ), o senador Lindbergh (PT-RJ), o vereador Tarcísio Motta (PSOL-RS) e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, entre outros. Às 19h, participantes acenderam os celulares como referência ao evento ‘Luzes para Marielle’, que acontecia, com velas, em diferentes pontos do Rio e de outras cidades.
G1

velasManifestantes fizeram nesta segunda-feira (2), uma homenagem à vereadora Marielle Franco (PSOL) e ao motorista Anderson Gomes, assassinados no dia 14 de março. Velas foram colocadas nas escadarias da Câmara Municipal e do prédio da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro. Ambos os edifícios são localizados no Centro do Rio.
O ato “Luzes para Marielle e Anderson” aconteceu ainda em outras cidades do Brasil, de acordo com os organizadores.
O evento ‘Rio Contra o Fascismo’, no Circo Voador, Centro do Rio, reuniu políticos e artistas. Subiram ao palco o ex-ministro das Relações Exteriores Celso Amorim, a deputada estadual Manuela D’Avilla (PCdoB-RS), Chico Buarque, deputado estadual Marcelo Freixo (PSOL-RJ), o senador Lindbergh (PT-RJ), o vereador Tarcísio Motta (PSOL-RS) e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, entre outros. Às 19h, participantes acenderam os celulares como referência ao evento ‘Luzes para Marielle’, que acontecia, com velas, em diferentes pontos do Rio e de outras cidades.
G1