Morre criança ferida em acidente com van escolar e caminhão em Carapicuíba

Uma criança morreu nesta sexta-feira (13) após acidente entre van escolar e caminhão em Carapicuíba, na Grande São Paulo. A morte foi confirmada pela Secretaria Estadual de Saúde nesta noite.
O acidente ocorreu de manhã, quando um caminhão desgovernado bateu na van. Ao menos 17 pessoas ficaram feridas, sendo 13 crianças.
De acordo com a Secretaria de Saúde, quatro crianças permaneciam hospitalizadas nesta noite no Hospital Geral de Carapicuíba, sendo três delas na UTI, mas todas com estado de saúde estável. No Hospital Regional de Osasco há uma criança em estado grave.
A pasta informou apenas sobre os feridos atendidos pela rede de saúde estadual, sem contabilizar eventuais vítimas que tenham sido levadas para outros hospitais.

Caminhão sem freio e CNH apreendida
A polícia ainda apura as causas do acidente. Ao menos uma testemunha viu o caminhão descer uma rua desgovernado. De acordo com depoimento aos policiais dado durante o socorro pelo motorista do caminhão, houve falha no freio do veículo.
O delegado que investiga o caso, Arnaldo Buk, vai pedir apreensão da carteira de motorista (CNH) do motorista tanto do caminhão quanto da van. Segundo apurou a GoboNews, o motorista do caminhão vai ser indiciado por homicídio culposo, quando não intenção de matar.
Ana Clara Leal de Souza, de 13 anos, uma das 13 crianças feridas disse à mãe que não se recorda do momento da colisão e demonstrou preocupação com os amigos que estavam com ela no veículo.
A menina foi internada no Hospital Geral de Carapicuíba, onde passou por cirurgia após sofrer fratura exposta na perna. “Eu já falei com ela depois da cirurgia e ela está bem, mas com dor na perna. Não lembra de nada do acidente e só pergunta das amigas”, contou ao G1 Edna Leal, de 41 anos.
Veja a íntegra da nota da Secretaria Estadual de Saúde:
No Hospital Geral de Carapicuíba foram 7 crianças socorridas, sendo que uma delas morreu.
4 estão hospitalizadas, sendo que 3 delas estão na UTI. A outra está na enfermaria. Os quatro pacientes estão estáveis. As outras duas já receberam alta.
No hospital Regional de Osasco tem mais 3 pacientes internados, sendo dois deles adultos, em estado estáveis. Uma criança está em estado grave.
Até as 11h deste sábado deve sair um novo boletim com o estado de saúde das vítimas.
Obs. A secretaria não divulgou o nome da criança que morreu porque os pais não autorizaram.

G1

Uma criança morreu nesta sexta-feira (13) após acidente entre van escolar e caminhão em Carapicuíba, na Grande São Paulo. A morte foi confirmada pela Secretaria Estadual de Saúde nesta noite.
O acidente ocorreu de manhã, quando um caminhão desgovernado bateu na van. Ao menos 17 pessoas ficaram feridas, sendo 13 crianças.
De acordo com a Secretaria de Saúde, quatro crianças permaneciam hospitalizadas nesta noite no Hospital Geral de Carapicuíba, sendo três delas na UTI, mas todas com estado de saúde estável. No Hospital Regional de Osasco há uma criança em estado grave.
A pasta informou apenas sobre os feridos atendidos pela rede de saúde estadual, sem contabilizar eventuais vítimas que tenham sido levadas para outros hospitais.

Caminhão sem freio e CNH apreendida
A polícia ainda apura as causas do acidente. Ao menos uma testemunha viu o caminhão descer uma rua desgovernado. De acordo com depoimento aos policiais dado durante o socorro pelo motorista do caminhão, houve falha no freio do veículo.
O delegado que investiga o caso, Arnaldo Buk, vai pedir apreensão da carteira de motorista (CNH) do motorista tanto do caminhão quanto da van. Segundo apurou a GoboNews, o motorista do caminhão vai ser indiciado por homicídio culposo, quando não intenção de matar.
Ana Clara Leal de Souza, de 13 anos, uma das 13 crianças feridas disse à mãe que não se recorda do momento da colisão e demonstrou preocupação com os amigos que estavam com ela no veículo.
A menina foi internada no Hospital Geral de Carapicuíba, onde passou por cirurgia após sofrer fratura exposta na perna. “Eu já falei com ela depois da cirurgia e ela está bem, mas com dor na perna. Não lembra de nada do acidente e só pergunta das amigas”, contou ao G1 Edna Leal, de 41 anos.
Veja a íntegra da nota da Secretaria Estadual de Saúde:
No Hospital Geral de Carapicuíba foram 7 crianças socorridas, sendo que uma delas morreu.
4 estão hospitalizadas, sendo que 3 delas estão na UTI. A outra está na enfermaria. Os quatro pacientes estão estáveis. As outras duas já receberam alta.
No hospital Regional de Osasco tem mais 3 pacientes internados, sendo dois deles adultos, em estado estáveis. Uma criança está em estado grave.
Até as 11h deste sábado deve sair um novo boletim com o estado de saúde das vítimas.
Obs. A secretaria não divulgou o nome da criança que morreu porque os pais não autorizaram.

G1