Plano Estratégico de Desenvolvimento Campina Grande 2035 se torna Lei Municipal

plano2035Campina Grande é a primeira cidade do Brasil, a ter um plano de desenvolvimento de longo prazo (20 anos) transformado em lei. O Plano que foi coordenado pela Federação das Indústrias do Estado da Paraíba – FIEP, e havia sido apresentado durante audiência pública na semana passada na Câmara Municipal, foi aprovado por unanimidade.
Nesta quinta-feira, dia 19/04, o Projeto de Lei Nº 213/2017 que institui o Plano Estratégico de Desenvolvimento Campina Grande 2035 se tornou Lei Municipal. Com a aprovação que aconteceu durante a 25ª sessão ordinária da Câmara, o Comitê Gestor do Plano que é formado por representantes do poder público e da iniciativa privada, passa a ter status de Conselho Municipal.
Durante a votação, as dezesseis emendas apresentadas foram lidas e debatidas em plenário pelos parlamentares. Na última semana os vereadores debateram sobre os detalhes do Plano Estratégico com o presidente do Comitê Gestor, o empresário e diretor da Federação das Indústrias do Estado da Paraíba – FIEP, Renato lago, com o coordenador do Comitê, o Procurador Jurídico da FIEP, André Ribeiro, e com o secretário de Planejamento, Gestão e Transparência do município, André Agra, durante audiências públicas diárias.
O Plano traça metas para o alcance estratégico do desenvolvimento da cidade até 2035 e pode ser acessado no endereço eletrônico www.campinagrande2035.com.br

plano2035Campina Grande é a primeira cidade do Brasil, a ter um plano de desenvolvimento de longo prazo (20 anos) transformado em lei. O Plano que foi coordenado pela Federação das Indústrias do Estado da Paraíba – FIEP, e havia sido apresentado durante audiência pública na semana passada na Câmara Municipal, foi aprovado por unanimidade.
Nesta quinta-feira, dia 19/04, o Projeto de Lei Nº 213/2017 que institui o Plano Estratégico de Desenvolvimento Campina Grande 2035 se tornou Lei Municipal. Com a aprovação que aconteceu durante a 25ª sessão ordinária da Câmara, o Comitê Gestor do Plano que é formado por representantes do poder público e da iniciativa privada, passa a ter status de Conselho Municipal.
Durante a votação, as dezesseis emendas apresentadas foram lidas e debatidas em plenário pelos parlamentares. Na última semana os vereadores debateram sobre os detalhes do Plano Estratégico com o presidente do Comitê Gestor, o empresário e diretor da Federação das Indústrias do Estado da Paraíba – FIEP, Renato lago, com o coordenador do Comitê, o Procurador Jurídico da FIEP, André Ribeiro, e com o secretário de Planejamento, Gestão e Transparência do município, André Agra, durante audiências públicas diárias.
O Plano traça metas para o alcance estratégico do desenvolvimento da cidade até 2035 e pode ser acessado no endereço eletrônico www.campinagrande2035.com.br