Chuvas elevam nível de açudes e pelo menos doze sangram na PB

As fortes chuvas na Paraíba nos últimos dias aumentaram o número de açudes que sangram no Estado. De acordo com dados da Agência Executiva das Gestão das Águas na Paraíba (Aesa), já são 12 os reservatórios que estão com sua capacidade total.
Nesta segunda (23), os açude ‘Pilões’ (São João do Rio do Peixe) e Manoel Marciolilo (Taperoá) sangraram. Essa é a segunda vez que o açude de Taperoá sangra.
Os outros açudes que sangram no Estado são: ‘Araçagi’ (Araçagi), Bom Jesus (Carrapateira), Cachoeira da Vaca (Cachoeira dos Índios), Cachoeira dos Alves (Itaporanga), Cafundó (Serra Grande), Olho D’água (Mari), Pimenta (São José de Caiana), São José I (São José de Piranhas), São Salvador (Sapé) e Vazante (Diamante).
MaisPB

As fortes chuvas na Paraíba nos últimos dias aumentaram o número de açudes que sangram no Estado. De acordo com dados da Agência Executiva das Gestão das Águas na Paraíba (Aesa), já são 12 os reservatórios que estão com sua capacidade total.
Nesta segunda (23), os açude ‘Pilões’ (São João do Rio do Peixe) e Manoel Marciolilo (Taperoá) sangraram. Essa é a segunda vez que o açude de Taperoá sangra.
Os outros açudes que sangram no Estado são: ‘Araçagi’ (Araçagi), Bom Jesus (Carrapateira), Cachoeira da Vaca (Cachoeira dos Índios), Cachoeira dos Alves (Itaporanga), Cafundó (Serra Grande), Olho D’água (Mari), Pimenta (São José de Caiana), São José I (São José de Piranhas), São Salvador (Sapé) e Vazante (Diamante).
MaisPB