Palmeiras faz 3 a 1 e faz quebra sequência invicta do Atlético-PR

No Brasileirão, time alviverde usou os contra-ataques para vencer o Atlético-PR, na Arena da Baixada, onde o clube local não perdia desde o ano passado
O Palmeiras venceu o Atlético Paranaense por 3 a 1 dentro da Arena da Baixada, em Curitiba, neste domingo (6), pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro. Bruno Henrique, Marcos Rocha e Wilian marcaram os gols do time paulista. Pablo descontou para os donos da casa.
Com o resultado o Palmeiras chegou aos oito pontos no Brasileirão, ultrapassou o rival Corinthians — adversário na próxima rodada da competição, no dia 13, às 16 horas, na Arena Corinthians — e se colocou entre os primeiros colocados na tabela.
A nota negativa para o técnico Roger Machado foi a contusão do meia Moisés, que sentiu dores musculares na perna esquerda ainda nos minutos iniciais da partida e foi substituído por Lucas Lima — de quem havia ganho a posição.

Primeira etapa
O jogo começou nervoso, com os jogadores de Atlético Paranaense e Palmeiras discutindo em campo. Ainda no primeiro minuto, o goleiro Jailson tentou despachar a bola para o ataque, mas errou o chute e quase a entregou no pé do atacante atleticano.
O Palmeiras teve uma baixa importante nos minutos iniciais: o meia Moisés — que havia ganho a vaga de Lucas Lima entre os titulares após a grande atuação na vitória por 3 a 1 sobre o Alianza Lima, no Peru, pela Copa Libertadores — sentiu dores musculares e foi substituído.
Pouco depois, o volante Felipe Melo discutiu com um adversário na área do Atlético Paranaense e recebeu o cartão amarelo — como já tinha dois acumulados no Nacional, ele não poderá enfrentar o Corinthians na próxima rodada da competição.
A partida permaneceu com disputas acirradas e reclamações de jogadores dos dois lados nos primeiros 15 minutos. A primeira jogada perigosa do time da casa ocorreu aos 20 minutos, quando o lateral-direito Matheus Rossetto arriscou de fora da área, mas Jailson saltou para espalmar a bola em uma grande defesa.
O time atleticano passou a pressionar o Palmeiras e teve outra grande chance aos 23 minutos, novamente em finalização de Rossetto, após o goleiro Jailson ter interceptado um cruzamento na área. Mas, desta vez, o lateral errou o alvo e a bola saiu.
O Palmeiras perdeu a posse de bola e não conseguia encaixar contra-ataques, passando a sofrer com as investidas da equipe mandante, incentivada pela torcida. Aos 27 minutos, o lateral-esquerdo Carleto bateu falta com força e obrigou Jailson a fazer outra ótima defesa, espalmando a bola para fora da área.
Mas, aos 43 minutos, o Atlético Paranaense errou na saída de bola e foi castigado. Dudu recebeu na esquerda, virou o jogo para Keno, que matou no peito e tocou para Bruno Henrique acertar um belo chute: 1 a 0.

Segundo tempo
O Atlético Paranaense voltou dos vestiários com a mesma disposição e tentou sufocar o Palmeiras, mas foi o time paulista que levou perigo primeiro. Aos 5 minutos, o Palmeiras arrancou em um bom contra-ataque, Dudu cruzou mas o goleiro Santos interceptou antes que a bola chegasse no atacante alviverde.
Na sequência, o atacante Pablo dominou dentro da área palmeirense e caiu em disputa com o zagueiro Antônio Carlos. Os jogadores do Atlético Paranaense pediram a marcação do pênalti, mas a arbitragem considerou a jogada normal.
O Palmeiras teve outro grande contra-ataque aos 14 minutos. Jailson lançou para o meio, a bola caiu no meio de campo e foi tocada para a corrida de Willian, que bateu prensado, mas ganhou o escanteio.
A jogada seguiu e o Palmeiras permaneceu rondando a área do time local. Aos 14 minutos, o lateral Marcos Rocha tabelou com Dudu, que finalizou. O goleiro defendeu, mas a bola sobrou para o mesmo Marcos Rocha, que fez o primeiro gol dele com a camisa palmeirense.
O time da casa se lançou ao ataque para diminuir o prejuízo e quase conseguiu, aos 16 minutos, quando Pablo acertou uma bela cabeçada, mas Jailson fez uma defesa sensacional e salvou o Palmeiras.
O técnico Fernando Diniz tentou mexer na equipe atleticana, mas os donos da casa se expuseram cada vez mais aos contra-ataques. Em outro deles, Willian desperdiçou a chance de fazer o terceiro do Palmeiras no jogo.
Lucas Lima teve uma boa oportunidade de fazer o terceiro gol palmeirense aos 31 minutos, quando recebeu um belo passe de Dudu e invadiu a área. Mas, na dividida com o goleiro, o meia levou azar. Ele perdeu o lance quando a bola tocou na perna errada e saiu pela linha de fundo.
O time alviverde ainda teve tempo para chegar ao terceiro com o meia-atacante Willian. Ele recebeu do jovem Hyoran, que havia entrado na segunda etapa, correu em direção ao gol e fuzilou o goleiro Santos.
O Atlético Paranaense conquistou o seu gol de honra aos 44 minutos por intermédio do atacante Pablo, que chegou sozinho praticamente dentro da pequena área e bateu forte para vencer Jailson.

Próximas partidas
O Palmeiras voltará a campo na próxima quarta-feira, às 19h30, para enfrentar o América Mineiro, no Estádio Independência, em Belo Horizonte, pela primeira partida das oitavas de final da Copa do Brasil.
No dia seguinte, o Atlético Paranaense visitará o Newell´s Old Boys, na Argentina, às 19h15, pela primeira fase da Copa Sul-Americana. No jogo de ida, os brasileiros venceram por 3 a 0, em Curitiba.

No Brasileirão, time alviverde usou os contra-ataques para vencer o Atlético-PR, na Arena da Baixada, onde o clube local não perdia desde o ano passado
O Palmeiras venceu o Atlético Paranaense por 3 a 1 dentro da Arena da Baixada, em Curitiba, neste domingo (6), pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro. Bruno Henrique, Marcos Rocha e Wilian marcaram os gols do time paulista. Pablo descontou para os donos da casa.
Com o resultado o Palmeiras chegou aos oito pontos no Brasileirão, ultrapassou o rival Corinthians — adversário na próxima rodada da competição, no dia 13, às 16 horas, na Arena Corinthians — e se colocou entre os primeiros colocados na tabela.
A nota negativa para o técnico Roger Machado foi a contusão do meia Moisés, que sentiu dores musculares na perna esquerda ainda nos minutos iniciais da partida e foi substituído por Lucas Lima — de quem havia ganho a posição.

Primeira etapa
O jogo começou nervoso, com os jogadores de Atlético Paranaense e Palmeiras discutindo em campo. Ainda no primeiro minuto, o goleiro Jailson tentou despachar a bola para o ataque, mas errou o chute e quase a entregou no pé do atacante atleticano.
O Palmeiras teve uma baixa importante nos minutos iniciais: o meia Moisés — que havia ganho a vaga de Lucas Lima entre os titulares após a grande atuação na vitória por 3 a 1 sobre o Alianza Lima, no Peru, pela Copa Libertadores — sentiu dores musculares e foi substituído.
Pouco depois, o volante Felipe Melo discutiu com um adversário na área do Atlético Paranaense e recebeu o cartão amarelo — como já tinha dois acumulados no Nacional, ele não poderá enfrentar o Corinthians na próxima rodada da competição.
A partida permaneceu com disputas acirradas e reclamações de jogadores dos dois lados nos primeiros 15 minutos. A primeira jogada perigosa do time da casa ocorreu aos 20 minutos, quando o lateral-direito Matheus Rossetto arriscou de fora da área, mas Jailson saltou para espalmar a bola em uma grande defesa.
O time atleticano passou a pressionar o Palmeiras e teve outra grande chance aos 23 minutos, novamente em finalização de Rossetto, após o goleiro Jailson ter interceptado um cruzamento na área. Mas, desta vez, o lateral errou o alvo e a bola saiu.
O Palmeiras perdeu a posse de bola e não conseguia encaixar contra-ataques, passando a sofrer com as investidas da equipe mandante, incentivada pela torcida. Aos 27 minutos, o lateral-esquerdo Carleto bateu falta com força e obrigou Jailson a fazer outra ótima defesa, espalmando a bola para fora da área.
Mas, aos 43 minutos, o Atlético Paranaense errou na saída de bola e foi castigado. Dudu recebeu na esquerda, virou o jogo para Keno, que matou no peito e tocou para Bruno Henrique acertar um belo chute: 1 a 0.

Segundo tempo
O Atlético Paranaense voltou dos vestiários com a mesma disposição e tentou sufocar o Palmeiras, mas foi o time paulista que levou perigo primeiro. Aos 5 minutos, o Palmeiras arrancou em um bom contra-ataque, Dudu cruzou mas o goleiro Santos interceptou antes que a bola chegasse no atacante alviverde.
Na sequência, o atacante Pablo dominou dentro da área palmeirense e caiu em disputa com o zagueiro Antônio Carlos. Os jogadores do Atlético Paranaense pediram a marcação do pênalti, mas a arbitragem considerou a jogada normal.
O Palmeiras teve outro grande contra-ataque aos 14 minutos. Jailson lançou para o meio, a bola caiu no meio de campo e foi tocada para a corrida de Willian, que bateu prensado, mas ganhou o escanteio.
A jogada seguiu e o Palmeiras permaneceu rondando a área do time local. Aos 14 minutos, o lateral Marcos Rocha tabelou com Dudu, que finalizou. O goleiro defendeu, mas a bola sobrou para o mesmo Marcos Rocha, que fez o primeiro gol dele com a camisa palmeirense.
O time da casa se lançou ao ataque para diminuir o prejuízo e quase conseguiu, aos 16 minutos, quando Pablo acertou uma bela cabeçada, mas Jailson fez uma defesa sensacional e salvou o Palmeiras.
O técnico Fernando Diniz tentou mexer na equipe atleticana, mas os donos da casa se expuseram cada vez mais aos contra-ataques. Em outro deles, Willian desperdiçou a chance de fazer o terceiro do Palmeiras no jogo.
Lucas Lima teve uma boa oportunidade de fazer o terceiro gol palmeirense aos 31 minutos, quando recebeu um belo passe de Dudu e invadiu a área. Mas, na dividida com o goleiro, o meia levou azar. Ele perdeu o lance quando a bola tocou na perna errada e saiu pela linha de fundo.
O time alviverde ainda teve tempo para chegar ao terceiro com o meia-atacante Willian. Ele recebeu do jovem Hyoran, que havia entrado na segunda etapa, correu em direção ao gol e fuzilou o goleiro Santos.
O Atlético Paranaense conquistou o seu gol de honra aos 44 minutos por intermédio do atacante Pablo, que chegou sozinho praticamente dentro da pequena área e bateu forte para vencer Jailson.

Próximas partidas
O Palmeiras voltará a campo na próxima quarta-feira, às 19h30, para enfrentar o América Mineiro, no Estádio Independência, em Belo Horizonte, pela primeira partida das oitavas de final da Copa do Brasil.
No dia seguinte, o Atlético Paranaense visitará o Newell´s Old Boys, na Argentina, às 19h15, pela primeira fase da Copa Sul-Americana. No jogo de ida, os brasileiros venceram por 3 a 0, em Curitiba.