Temer faz propaganda de governo com verba do Ministério da Saúde

temer3A campanha institucional de dois anos de governo Temer que começa hoje retirou verbas do Ministério da Saúde para se viabilizar, informa o jornalista Lauro Jardim em sua coluna no jornal O Globo. Foram deslocados R$ 22 milhões que estavam reservados para as campanhas de vacinação, febre amarela e doações de órgãos.
“Sabe a campanha institucional de dois anos do governo Temer que começa hoje? Parte do seu orçamento foi conseguido com uma ajeitada em verbas publicitárias de outros ministérios. A pasta que entrou com mais recursos foi o Ministério da Saúde.
Foram deslocados R$ 22 milhões originalmente destinados a campanhas de utilidade pública, como vacinação, febre amarela, doações de órgãos etc. A verba deixou de ser utilidade pública para virar de utilidade política.”
Brasil 247

temer3A campanha institucional de dois anos de governo Temer que começa hoje retirou verbas do Ministério da Saúde para se viabilizar, informa o jornalista Lauro Jardim em sua coluna no jornal O Globo. Foram deslocados R$ 22 milhões que estavam reservados para as campanhas de vacinação, febre amarela e doações de órgãos.
“Sabe a campanha institucional de dois anos do governo Temer que começa hoje? Parte do seu orçamento foi conseguido com uma ajeitada em verbas publicitárias de outros ministérios. A pasta que entrou com mais recursos foi o Ministério da Saúde.
Foram deslocados R$ 22 milhões originalmente destinados a campanhas de utilidade pública, como vacinação, febre amarela, doações de órgãos etc. A verba deixou de ser utilidade pública para virar de utilidade política.”
Brasil 247