Trânsito é liberado no Parque da Lagoa após acidente

liberaO trânsito foi liberado no Parque da Lagoa, no Centro de João Pessoa, no final da tarde, desta terça-feira (5) após um acidente envolvendo um ônibus de transporte coletivo que deixou duas pessoas feridas na tarde.
Os semáforos ainda permanece apagado. A Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana (Semob) está orientando o trânsito no colégio Liceu Paraibano quee continua sendo desviado na Euripedes Tavares.
No início da tarde de hoje, o veículo que faz a linha 602, do bairro de Mandacaru, atingiu um poste, colidiu com um táxi e outro carro que estava no local. Um taxista ficou ferido.
O Corpo de Bombeiros e o Samu foram acionados e estão dando assistência às vítimas. Por causa do acidente, profissionais da Energisa também foram até o local para cuidar da rede elétrica e providenciar a substituição do poste que corre risco de desabar.
Devido ao tumulto e com medo de explosão, algumas lojas fecharam as portas na hora do acidente. De acordo com a Superintendência de Mobilidade Urbana (Semob), o trânsito está sendo desviado pela avenida Eurípedes Tavares.
O trânsito foi desviado pela Euripedes Tavares. Semáfaros ficaram apagados nos cruzamentos: Avenida Getúlio Vargas com Princesa Isabel, Avenida Getúlio Vargas com Tabajaras e Corálio Soares. Agentes no local.
O Sindicato das Empresas de Transportes Coletivos Urbanos de João Pessoa (Sintur-JP) informou na tarde de hoje que os feridos do acidente foram socorridos pelo Samu e passam bem.
Além disso, o Sintur acrescentou que as vítimas continuarão a receber a atenção necessária. Uma perícia será realizada para descobrir as causas do acidente.
Confira a nota na íntegra

Nota à imprensa
Com relação ao lamentável acidente ocorrido hoje (5), na Lagoa, no Centro, o Sindicato das Empresas de Transportes Coletivos Urbanos de João Pessoa (Sintur-JP) informa que os feridos foram socorridos pelo Samu, passam bem e receberão toda a atenção necessária. É importante destacar que as causas do acidente serão determinadas após a realização da perícia.
MaisPB

liberaO trânsito foi liberado no Parque da Lagoa, no Centro de João Pessoa, no final da tarde, desta terça-feira (5) após um acidente envolvendo um ônibus de transporte coletivo que deixou duas pessoas feridas na tarde.
Os semáforos ainda permanece apagado. A Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana (Semob) está orientando o trânsito no colégio Liceu Paraibano quee continua sendo desviado na Euripedes Tavares.
No início da tarde de hoje, o veículo que faz a linha 602, do bairro de Mandacaru, atingiu um poste, colidiu com um táxi e outro carro que estava no local. Um taxista ficou ferido.
O Corpo de Bombeiros e o Samu foram acionados e estão dando assistência às vítimas. Por causa do acidente, profissionais da Energisa também foram até o local para cuidar da rede elétrica e providenciar a substituição do poste que corre risco de desabar.
Devido ao tumulto e com medo de explosão, algumas lojas fecharam as portas na hora do acidente. De acordo com a Superintendência de Mobilidade Urbana (Semob), o trânsito está sendo desviado pela avenida Eurípedes Tavares.
O trânsito foi desviado pela Euripedes Tavares. Semáfaros ficaram apagados nos cruzamentos: Avenida Getúlio Vargas com Princesa Isabel, Avenida Getúlio Vargas com Tabajaras e Corálio Soares. Agentes no local.
O Sindicato das Empresas de Transportes Coletivos Urbanos de João Pessoa (Sintur-JP) informou na tarde de hoje que os feridos do acidente foram socorridos pelo Samu e passam bem.
Além disso, o Sintur acrescentou que as vítimas continuarão a receber a atenção necessária. Uma perícia será realizada para descobrir as causas do acidente.
Confira a nota na íntegra

Nota à imprensa
Com relação ao lamentável acidente ocorrido hoje (5), na Lagoa, no Centro, o Sindicato das Empresas de Transportes Coletivos Urbanos de João Pessoa (Sintur-JP) informa que os feridos foram socorridos pelo Samu, passam bem e receberão toda a atenção necessária. É importante destacar que as causas do acidente serão determinadas após a realização da perícia.
MaisPB