Bolsonaro perde para Haddad, Ciro e Alckmin no 2º turno, diz Ibope

A pesquisa do Ibope divulgada no início da noite desta segunda-feira 24 também testou junto aos eleitores quatro cenários para o segundo turno da disputa presidencial, envolvendo os nomes de Jair Bolsonaro (PSL), Fernando Haddad (PT), Ciro Gomes (PDT), Geraldo Alckmin (PSDB) e Marina Silva (Rede).
Se no levantamento anterior, divulgado na terça-feira 18, o líder das intenções de voto no primeiro turno, Bolsonaro, empatava com Haddad, Ciro, Alckmin e Marina, na pesquisa de hoje o candidato do PSL perde para o petista, o pedetista e o tucano e empata numericamente com a candidata da Rede.
Quando o adversário é Fernando Haddad, Jair Bolsonaro é derrotado por 43% a 37%, com 15% de brancos e nulos e 4 % de indecisos.
Em um cenário que opõe o capitão reformado do Exército e Ciro Gomes, o pedetista vence por 46% a 35%, com 15% de brancos e nulos e 4% de indecisos.
Contra Geraldo Alckmin, Jair Bolsonaro é derrotado por 41% a 36%, com 20% de brancos e nulos e 4% de indecisos. Na pesquisa do último dia 18, ambos empatavam em 38%.
Jair Bolsonaro e Marina Silva empatam, com 39% para cada. Brancos e nulos somam 19% e indecisos, 4%. No levantamento anterior, Bolsonaro tinha 41% e Marina, 36%.
Os cenários desfavoráveis a Jair Bolsonaro no segundo turno podem ser explicados pelo alto índice de rejeição dele entre os eleitores, variável relevante na definição de voto na parte decisiva da eleição, quando a escolha por exclusão ganha força. O deputado é rejeitado por 46% do eleitorado, número que era de 42% na semana passada.
O Ibope ouviu 2.506 eleitores em 178 municípios, entre os dias 22 e 23 de setembro. O levantamento está registrado no Tribunal Superior Eleitoral sob o protocolo BR-06630/2018.
MSN

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial