Trabalhadores do comércio receberão diferenças salarias até fevereiro de 2019

Os trabalhadores do comércio de Campina Grande e Região, após um ano de aprovação da Reforma Trabalhista, finalmente vão fazer jus a um dissídio coletivo, que trouxe como garantia a unificação da data base da categoria, em 1º de julho, já valendo este ano.
De acordo com informações do presidente do Sindicato dos Empregados no Comércio de Campina Grande e Região, José do Nascimento Coelho, as diferenças salariais dos trabalhadores relativas aos períodos de 1º de novembro/2017 a junho de 2018, serão pagas até fevereiro de 2019.
Coelho esclareceu que será juntado ao Dissídio Coletivo um aditivo a ser firmado entre as partes e homologado na Justiça do Trabalho, disciplinando as datas para o pagamento das diferenças salariais aos comerciários.
Para que o processo do pagamento das diferenças não gere problemas, segundo Coelho, as datas constantes no acordão, para esta finalidade e outras obrigações, serão prorrogadas por um período de 60 dias. “Por exemplo: o retroativo das diferenças salariais que teriam que ser pagas até 30 deste mês, terá dilação do prazo e assim por diante”, explicou Coelho, adiantando que o mesmo ocorrerá com o pagamento da taxa assistencial e a negocial.
Texto: Ascom Sindicato dos Comerciários – CG

Banner Add

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial