Romeiro morre atropelado por ônibus de banda católica em São José, SP

O corpo do romeiro Manuel Santos dos Anjos, que morreu atropelado por um ônibus de uma banda católica na Dutra no sábado (28), foi enterrado às 11h deste domingo (29) no cemitério Colônia Paraíso, na zona sul de São José dos Campos (SP).
De acordo com a esposa, Cristiane Silva, ele planejava ir até a Basílica de Aparecida a pé para agradecer por uma cirurgia bem sucedida. O corpo dele foi velado por parentes e amigos desde o fim da tarde de sábado no velório municipal.
Manuel caminhava pelo acostamento, no trecho de Aparecida, quando foi atingido pelo coletivo da banda Rosa de Saron. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o motorista disse que perdeu o controle da direção e o veículo invadiu o local onde Manuel estava. Outros dois homens que estavam com ele não foram atingidos no acidente.
Ele tinha 47 anos e trabalhava como ajudante geral em São José, onde morava com a esposa e três filhos.

Investigação
Segundo a PRF, o ônibus perdeu o controle na altura do km 75, invadiu o acostamento e caiu em uma valeta. A suspeita é que a barra de direção do veículo tenha quebrado.
O veículo vai passar por perícia, que vai determinar a causa do acidente. Não há prazo definido.

Nota de pesar
Todos os integrantes da banda Rosa de Saron e equipe de produção estavam no veículo no momento do acidente e nenhum deles se feriu. O grupo publicou uma mensagem nas redes sociais dizendo que lamenta a morte e que, devido ao acidente, cancelou o show que faria no sábado em Macaé (RJ).
G1

Banner Add

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial