Palmeiras perde para o Grêmio e garante título brasileiro do Fla

O Palmeiras precisava vencer o Grêmio, em casa, para adiar a festa da torcida flamenguista — iniciada pelo bicampeonato da Copa Libertadores — devido à conquista do título brasileiro de 2019. No entanto, a equipe alviverde foi surpreendida pelos gaúchos, perdeu por 2 a 1 — com dois gols em cobranças de pênalti — e definiu o campeonato com cinco rodadas de antecipação.
Com o resultado, o time palmeirense permaneceu com 68 pontos e não pode mais alcançar o Flamengo, que já possui 81 — teve o jogo da rodada antecipado (empate em 4 a 4 com o Vasco) devido à decisão continental — assim como o Santos (68).
Ciente da responsabilidade que carregava e diante da sua torcida, o time alviverde tomou a iniciativa do jogo desde o apito inicial.
Aos 3 minutos, Dudu cruzou na área, o zagueiro Pedro Geromel falhou e a bola sobrou nos pés do centroavante Borja, mas o colombiano se atrapalhou no domínio e perdeu o gol.
Nos minutos finais, aos 43, outro cruzamento de Dudu levantou a torcida que compareceu ao Allianz Parque. Pela direita, o meia-atacante chutou rasteiro, a bola desviou na zaga e passou com certo perigo na pequena área do Grêmio.
Porém, apesar do volume de jogo, o Palmeiras não conseguiu levar grande perigo para o gol de Paulo Victor. Do outro lado, o goleiro Weverton também não se esforçou muito para conter o ataque gremista.
Na segunda etapa, o Palmeiras seguiu no ataque, mas sem objetividade. Garantido na fase de grupos da Libertadores de 2020 e praticamente sem chances de título, a impressão é que a equipe paulista havia perdido o ânimo.
Na segunda etapa, o Palmeiras seguiu no ataque, mas sem objetividade. Garantido na fase de grupos da Libertadores de 2020 e praticamente sem chances de título, a impressão é que a equipe paulista havia perdido o ânimo.
Aos 22 minutos, o atacante Éverton Cebolinha foi derrubado pelo zagueiro Gustavo Gómez dentro da área palmeirense: pênalti marcado pelo árbitro Wilton Pereira Sampaio. O próprio Cebolinha cobrou e abriu o placar.
O técnico Mano Menezes tentou algumas trocas para motivar o time em campo, mas a apatia era visível — entre os jogadores e também nas arquibancadas do Allianz Parque.
Aos 35, o lateral-esquerdo Bruno Cortez empurrou Dudu pelas costas e a arbitragem marcou pênalti para o Palmeiras. O capitão Bruno Henrique cobrou, empatou a partida e renovou as esperanças da torcida em adiar o título flamenguista.
Aos 45, o meia Lucas Lima invadiu a área gremista, encheu o pé o obrigou Paulo Victor a fazer uma linda defesa para evitar a virada.
A equipe alviverde ainda pressionou, mas sofreu um gol do atacante Pepê, aos 49 minutos, que definiu o campeonato em favor dos cariocas. Já o Grêmio se garantiu na Libertadores do ano que vem.
Antes do apito final, torcedores do Palmeiras protestavam contra a diretoria devido à campanha considerada abaixo da expectativa em relação aos altos investimentos feitos pelo clube e o patrocinador na temporada.

Próximos jogos
Na sequência do Brasileiro, o Palmeiras terá pela frente o Fluminense, na próxima quinta-feira, às 19h30, no Maracanã. Um dia antes, na quarta-feira, o Grêmio visitará o Atlhetico-PR, às 21h30, na Arena da Baixada, em Curitiba.

PALMEIRAS 1 X 2 GRÊMIO
Local: Allianz Parque, São Paulo (SP)
Data-Hora: 24/11/2019 – 16h
Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (Fifa-GO) – 6,5
Assistentes: Fabricio Vilarinho da Silva (Fifa-GO) e Bruno Raphael Pires (Fifa-GO)
Árbitro de vídeo: Wagner Reway (Fifa-PB)
Público e renda: 22.767 pagantes. Renda: R$ 1.292.109,15.
Cartões amarelos: Dudu, Thiago Santos (PAL); Matheus Henrique, Diego Tardelli (GRE)
GOLS: Everton 23’2ºT (0-1), Bruno Henrique 35’2ºT (1-1), Pepê 48’2ºT (1-2)
PALMEIRAS: Weverton; Marcos Rocha, Gustavo Gómez (Ramires, 25’/2ºT), Vitor Hugo e Diogo Barbosa; Thiago Santos, Bruno Henrique e Lucas Lima; Dudu, Zé Rafael (Willian, 18’/2ºT) e Borja (Luiz Adriano, intervalo). Técnico: Mano Menezes
GRÊMIO: Paulo Victor; Léo Moura, Geromel, Kannemann e Cortez; Maicon (Michel, 25’/2ºT), Matheus Henrique, Alisson, Tardelli (Patrick, 38’/2ºT) e Everton; Luciano (Pepê, 20’/2ºT). Técnico: Renato Gaúcho

Foto: PETER LEONE/O FOTOGRÁFICO/ESTADÃO CONTEÚDO
R7

Banner Add

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial