Casarão dos Azulejos faz homenagem póstuma ao poeta Gerimaldo Nunes

Nesta quinta-feira (5), o Casarão dos Azulejos realizará mais uma edição do projeto ‘Gente é Pra Brilhar’, que homenageia personalidades das artes e de outras atividades criativas, residentes na Paraíba. Nesta edição, será homenageado de forma póstuma o jornalista Gerimaldo Nunes. A homenagem acontece está prevista para começar as 19h.
Esta é a primeira vez que o Casarão, sede do Programa de Inclusão Através da Música e das Artes (Prima) – gerido pelo Governo do Estado, estará fazendo uma homenagem póstuma. A iniciativa é de amigos que resolveu lembrar com alegria o poeta e amigo falecido no dia 7 de agosto passado.
Gerimaldo Nunes nasceu em Alagoa Grande e mudou-se para João Pessoa, onde cursou Jornalismo na UFPB. Jornalista foi uma figura ativa nos meios culturais da capital, especialmente nos anos 90. Integrou o prestigiado grupo ‘Prefácio’, formado também por Bento Junior, Geraldo Santos, Mana Lia e Vagneide Ferreira. Foi um dos expoentes paraibanos da chamada ‘Poesia Marginal’, que nacionalmente conta com nomes conhecidos como Nicolas Behr, Chacal, Leila Míccolis e outros.
Para sua amiga Lúcia Moraes, “ele veio para João Pessoa e virou Geri, uma pessoa muito querida por todo mundo. Aqui ele fez carreira, fez muitos amigos e muita poesia”. Na oportunidade o jornalista e cordelista Dalmo Oliveira estará lançando um cordel em homenagem ao poeta.

Sarau
Na ocasião, haverá ainda um sarau com o cantor e compositor paraibano Paulo Ró, pesquisador dos ritmos e das tradições populares da Paraíba. Paulo também tem experiência com as rupturas estéticas e desde os anos 70, junto com Pedro Osmar, mantém ativo o grupo de pesquisa musical ‘Jaguaribe Carne’.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial